domingo, 13 de agosto de 2017

banguela de tudo, mas, que sorriso!


10 meses e eu aqui babando mais que o bebê!
como é lindo meu solzinho!
ele tem um sorriso lindo!
banguela de tudo, mas, que sorriso!
fácil fácil mostra as gengivinhas!
se chamar quer colo!
sem receio, não estranha nem os estranhos.
meu filho...me deste um novo ar de amor!

a gente não conhece o que é o amor.
amamos nossos pais e irmãos,
amamos nossos cônjuges,
amamos alguma coisa,
uma causa,
um time de futebol mas...
quando nos tornamos pais,
amamos feito Deus.
todo amor se torna pouco
e, por vezes, nos fazemos loucos.
uma loucura que só o amor entende!

esta é a felicidade de ser pai (ou mãe!).
um filho faz uma transformação dentro e fora,
mexe geral!
e a gente baba baba baba...
até que a nossa baba se esvai entre as primeiras palavras.
e quando escutei um "papá" pela primeira vez?
e quando seus bracinhos me buscaram?
ahhhh... quanta alegria ser pai!
quero assim ser dia 13 de agosto de 2017,
dia 14, 15... quero celebrar todo dia!

pai para sempre!

um presente para os dias dos pais,
humildemente, sinceramente, peço:
que meu filho respire com saúde nessa terra
e que seja um homem bom,
um ser humano autêntico,
cujas qualidades sobreponham os defeitos herdados.
não quero meias, gravatas ou um kit de barbear,
não!
não quero trocar uma convivência verdadeira por presentes!
quero, apenas, que nos amemos!
que os presentes sejam aleatórios,
mas que a presença seja intensa.
assim como é o amor desse Deus maravilhoso que nós temos!
amanhã é dia 14 de agosto então,
feliz dias dos pais!



terça-feira, 8 de agosto de 2017

o senhor sílvio, o preto de alma branca


"ele é preto de alma branca!"
disse o homem com toda seriedade.
mas...seria racismo?

o homem que repetiu esse "ditado" popular
é branco e dirigiu seu "elogio" para um senhor
cujo nome é sílvio.
sílvio é preto.

não entrarei na questão das piadinhas
ou do racismo velado, mas
sim no significado dessa alma branca.

o homem branco europeu
destruiu famílias inteiras
e dissipou culturas mundo novo afora.

o homem branco teve alma branca?
nem preta!
não teve alma.
foi desalmado nas suas intenções.
se ser branco é ter alma branca,
teoricamente, alma boa e evoluída,
ter a alma preta deve ser melhor.

o preto foi escravizado,
explorado mais que os solos de ouro, açúcar ou café,
foi humilhado e perdeu sua casa,
seus familiares,
tornaram-se coisas,
muitas vezes,
mucambas.

os homens vermelhos tiveram destinos parecidos.
foram expulsos de suas terras, foram trucidados
pelos homens brancos com suas armas e doenças.
em nome da civilização, da cruz, dos latifundiários,
da bancada ruralista, seguem perdendo suas cores.

minha cara fica vermelha com tudo que fizeram (e fazem) com nossos índios.

no brasil somos quase todos cotistas.
é preciso analisar mais que a cor da nossa pele:
nossa história.

o senhor sílvio, o preto de alma branca,
é uma pessoa sensacional.
faz tantas coisas boas, mas tantas...
mil vezes mais que o homem que disse a infeliz frase,
resquício vivo do nosso racismo internalizado,
o típico pensamento dos senhores de engenho.
ideias que correram nossa história
e permanecem, assustadoramente, vivas até hoje!
essas ideias tortas funcionam como uma espécie de conservante
e fazem das novas gerações também preconceituosas.

ser bom é ter alma.

nem alma branca, nem alma preta: alma.
se não acredita em alma, ser humano basta.


sexta-feira, 28 de julho de 2017

fugimos.


nosso refúgio
é nosso teto.
se nosso teto
não é refúgio,
fugimos.

da cinza para o amarelo um arco do chão para o céu.


quando percebi que seus raminhos estavam brotando, sorri!
te plantei para nascer outra vez.
sei que precisa do sol, por isso busquei o sol onde ele não estava,
arredei os muros e as copas das árvores,
te protegi das pragas, te dei cocô de vaca queimado.
e agora... ai e agora!!!
seus raminhos saindo de manso!
buscando a luz e a água!
e eu que te dou água cinza...
mas o sol é amarelo!
da cinza para o amarelo um arco do chão para o céu.
de tuas ramagens brotarão leite e mel.

quinta-feira, 20 de julho de 2017

pode acabar mundo!


as flores que vejo
me lembram beijo.
são muitos ipês floridos
pela minha cidade.
ficam feinhos quase o ano inteiro para,
de repente, explodirem em belezas.
meu Deus...como são belos!
as flores rosas são as que mais gritam aqui.
o chão forrado de tom de flor
se transforma num tapete de corpus christi,
e ali, fazendo sombra,
dá vontade de namorar.
pego minha viola,
deixo meu trabalho,
compro vinho e queijo
e vou parar no meio das flores,
feito um louco na segunda.
arrasto para junto minha água
e meu rebento.
pronto!
pode acabar mundo!

até quem bateu panela sofre.


o que esperar de um governo declaradamente corrupto?
uma escancarada compra de deputados
com a distribuição cirúrgica de muito dinheiro oh
desrespeitável público.

a escancarada vingança contra os deputados infiéis,
as últimas consequências para se manter no poder.

a blindagem no jaburu,
o belo corredor de plantinhas ornamentais,
o porão revisitado.

a aprovação de reformas que revogam a lei áurea,
a declaração de banalidade das leis trabalhistas.

um supremo acovardado e muitos casos absurdos,
onde o processo contra uma comediante é prioridade na casa
e mandar pra cadeia figurões alucinadamente,
explicitamente, pornograficamente flagrados
em conversas reais, com malas de muitos reais,
com famílias reais envolvidas até o talo,
com trilhões de robustas provas,
não é prioridade.
algo errado?

um governo que dobra os impostos sobre a gasolina
para, simplesmente,
tapar o buraco que ele mesmo abriu
nunca será um governo justo.

até quem bateu panela sofre.
coxinhas, mortadelas, caviar e linguiça de frango da friboi:
todos sofrem as consequências como um cão na china.

vergonha.

muita vergonha desse governo que é chacota de venezuelanos,
que é deixado de lado no g20,
que é ridicularizado pela imprensa mundial,
que usa nossa grana para limpar suas cagadas.
2018 parece distante.
meses de desgoverno,
nosso carro é uma máquina sem freios
na ladeira da saudade.
saudade de quem?
estamos perdidos num mar de gente que jamais
coloca as necessidades de um povo como prioridade. um lamaçal de gente que não podemos confiar. gente que chegou pelas portas dos fundos usando as máscaras dos outros ou os dedos e orelhas dos burros.
é urgente uma reforma política!
aliás, esta deveria ser antes de todas as outras.
não dá para esperar nada,
absolutamente nada de um governo
declaradamente corrupto.
não dá para te compreender sr. temer, apenas entendemos que vossa excelência, como presidente, é um excelente... político.



quinta-feira, 22 de junho de 2017

que as vítimas repousem no frescor de Deus


a fumaça escureceu o céu.
um vento de apocalipse cercou todos os viventes.
onde há fumaça, há fogo.
primeiro, um calor insuportável,
depois, as labaredas roçando os tetos e janelas das casas,
os carros na estrada.
algumas pessoas entraram em seus carros
para fugir do fogo.
não dá pra fazer mais nada.
o fogo estava em todo lugar.
a fumaça impedia a visibilidade,
mas, pior, não deixava respirar.
alguns saíram de seus carros
e correram para lugar nenhum.
17 corpos foram encontrados queimados no meio da rua,
outros carbonizados
dentro dos automóveis.
um incêndio florestal de proporções alarmantes
e incontroláveis.
uma tragédia.
as histórias de sobreviventes impressionam:

um grupo de pessoas entrou numa casa e,
deitados no chão, ardiam com o calor,
tremiam de medo.
e permaneceram assim até que o pior passasse.
tiveram sorte.
as casas ao lado estavam em migalhas.
apenas esta se manteve.

12 pessoas se salvaram porque entraram
numa caixa d´agua e ali ficaram se protegendo do calor infernal.

na esperança de salvar seus filhos das chamas que cercavam tudo,
a mãe pegou as duas crianças, entrou no carro
e seguiu.
o pai ficou próximo à casa.
nem me pergunte o porquê de o pai não ter ido.
mãe e filhos morreram na fuga,
o pai sobreviveu e
vai sofrer muito mais que qualquer grau de queimadura.

muitas histórias certamente virão à tona.
portugal se estremeceu com esse drama.
que as vítimas repousem no frescor de Deus.


sábado, 17 de junho de 2017

prontos para um tiro de 100 metros


água, suas quedas e lagos me atraem.
seu remanso, seu deslizar suave,
seus tiques e suas lendas
me fazem rir.

esse rir é ser feliz!

estar aí, seguindo a vida lado a lado,
subindo montanhas e descendo ladeiras,
carregando dóceis fardos
em nossos ombros fortes,
sendo feliz com pouco,
com muito,
com nada,
sendo feliz,
apenas,
é mais que nossas sortes!
são os nossos pedidos sendo atendidos
de maneira sublime e calma,
escancarando a fidelidade
desses olhos que nos vigiam lá do desconhecido.

temos diversos motivos para acordar dispostos sempre.
nos parecemos, às vezes,
com os velocistas na linha de largada,
prontos para um tiro de 100 metros.
saímos com os cabelos por pentear
ou mesmo com uma remela no canto dos olhos,
mas nosso rebento sai de príncipe.
ele é um príncipe que herda mais que nossas economias e gastos,
herda nossa conduta,
nosso amor,
nossa felicidade.
herda toda luz que emana desses sorrisos fáceis.

vem água!
vem me molhar que, nem molhado,
acordo desse sonho lindo!

quinta-feira, 15 de junho de 2017

ele é mais honesto que o aécio neves.



“Se tem uma coisa que eu me orgulho, neste país, é que não tem uma viva alma mais honesta do que eu. Nem dentro da Polícia Federal, nem dentro do Ministério Público, nem dentro da igreja católica, nem dentro da igreja evangélica. Pode ter igual, mas eu duvido”. SILVA, Luiz Inácio Lula

essa preciosidade alucinógena foi revelada para humanidade no dia 20 de janeiro de 2016,
num café da manhã oferecido pelo ex-presidente a blogueiros
na sede do instituto lula.
certamente, não havia no local nenhum blogueiro que fosse mais honesto que ele para desencorajá-lo
nessa fala estapafúrdia.

lembrando que, para ser o mais honesto, não pode conter no repertório
histórias e números mentirosos, como ele mesmo se orgulhou
de contar em diversas entrevistas,
também de caráter estapafúrdico.
uma breve pesquisa na internet
e você encontra quase todas as pérolas deste vasto oceano.


de qualquer modo, posso concordar com o lula num ponto:
ele é mais honesto que o aécio neves.
quem promete é esse ano!
aécio chega primeiro cadeia.
certeza.