terça-feira, 31 de dezembro de 2013

tomar outra vez meu coração de assalto?


água,
essa é uma declaração
de amor.

apesar de,
pela lei,
você ser
incolor,
inodora e
insípida,
burla tudo
e trás arco-íris,
aromas lindos
e gosto de amora rocha de vermelhinha!

ai água...
sede todo dia!
suspiro gostoso
de harmonia entre
ar, água, terra e fogo.

o que eu quero?
eu quero de novo!
banho em cachoeira
depois de uma batalha,
de uma prova de ironman
ou de uma fuga esfuziante,
porém assustada,
de uma cachorro louco.

vamos minha água?
descer comigo mais uma vez os planaltos?
tomar outra vez meu coração de assalto?
vamos?
começar outros dois mil e pouco?
vamos!
que esse é um novo ano!
mais uma chance
para colocar em prática
o nosso plano.
se é uma declaração de amor,
te amo!

feliz ano novo!


e passa um,
e passa dois,
e passa três
e passa quatro!
e passa um,
e passa dois,
e passa três
e passa quatro!

passando passando
e vão virando passado!
passando passando
e vão virando passado!

um passarim na janela,
uma foto três por quatro,
as contas de fim de mês,
nós dois no porta retratos!

e passa um,
e passa dois,
e passa três
e passa quatro!
e passa um,
e passa dois,
e passa três
e passa quatro!

passado
passando
a limpo,
passeio
entre o céu
e o limbo!

é paz, é par, é pai, é pau!
é pedra, é ímpar, é mãe, é nau!
um possante passa voando
enquanto a canoa boa navega mal,
muito mal...
no passar das ondas,
pequenas e serenas e...
constantes.

movimento!

e passa um,
e passa dois,
e passa três
e passa quatro!
e passa um,
e passa dois,
e passa três
e passa quatro!

não não não!
não é café com pão!
é passa um!
é passa dois!
é passa três!
é passa quatro!
não não não!
não é café com pão!

vão! vão passando!
passado passando,
fico pensando:
passa sempre assim?
passa.
assim como a uva,
assim como a massa
passa do ponto
e o vinho seco se é bebido,
passa.
venha cheio de graça,
com a mãe do céu
e Deus no coração!

passa mais um ano.
ganhado?
perdido?
depende dos pés
que o levou,
das mãos que tocaram,
dos olhos que viram,
das calças que vestiram.
depende mesmo
do vento que o levou,
da água que lavou,
da dívida protelada,
da dívida quitada.
do sim, do não, do tédio, do esmo,
do mais ou menos.

mais uma pitada de sal!
uma chávena de açúcar!
outros temperos por favor!
salsa?
açafrão?
pimenta?
mel com limão?

e passa um,
e passa dois,
e passa três
e passa quatro!
e passa um,
e passa dois,
e passa três
e passa quatro!

e assim vão passando
o meu passado,
e assim caminhamos
para o fim,
para o meio,
para o início.
feliz ano novo!

domingo, 29 de dezembro de 2013

rinhas de galos são proibidas por lei.


rinhas de galos são proibidas por lei.
rinhas de cães também.
rinhas de humanos?
não.
pode acontecer.
com direito a um público mirabolante,
muitas luzes e grana rolando solta.
violência e estupidez dementes.
obrigado pela rinha de humanos!
e ainda tem gente que quer ser humano...
sofre pelos cães brigadores,
choram pelos galinhos arrepiados
e depois, correm pra frente da tv
para ver os humanos se arrebentarem no ufc,
se ensanguentarem e caírem quase mortos!
isso é cultura (?).
isso é esporte (?).

nas leis...

"No Brasil, as brigas de galo estão proibidas desde o ano de 1934, com a edição do Decreto Federal 24.645, que proíbe "realizar ou promover lutas entre animais da mesma espécie ou de espécies diferentes, touradas e simulacro de touradas, ainda mesmo em lugar privado"; Decreto Lei 3.688/41 - Lei das Contravenções Penais (artigo 64), "tratar animal com crueldade ou submetê-lo a trabalho excessivo"; Constituição Federal, artigo 225, inciso VII do § 1º, que incumbe ao poder público, a responsabilidade de "proteger a fauna e a flora vedadas na forma da lei, as práticas que coloquem em risco sua função ecológica, provoquem a extinção de espécies ou submetam os animais a crueldade" e mais recentemente, com a sanção da Lei 9.605/98 - Lei de Crimes Ambientais, (artigo 32), esta conduta passou de contravenção penal para crime, revogando, tacitamente, o art. 64 do Decreto Lei acima citado."

sábado, 28 de dezembro de 2013

até o obama faz assim!


minha água me segura forte e diz:
não vai!
opa! claro que não vou!
afinal, minha mulher não deixa não!
ela manda e eu cumpro!
é desse jeito!
até o obama faz assim!
ando com a barba grande,
cara de férias
mas ainda sem as mesmas.
os pelos são os mesmos,
pelo menos disso eu sei.
mas, se ela mandar,
passo a navalha!
minha mulher mandou,
água parou!
casos omissos serão debatidos e,
no final, a água passa levando tudo!
água é bom demais!
me segura!
me prende!
me joga na parede!
no telhado,
na rede!
com você sempre sede!

e vê o muro pixado: "maluco da bola quente".


pichadores.
pixadores?
vamos usar com x porque é assim que eles gostam.
quando vivíamos sob o manto de ferro da ditadura,
pixar era uma arte.
o protesto era eficiente e incomodava os opressores.
saímos da ditadura.
agora temos a internet e outros meios mais eficazes
que o mero dano ao patrimônio público ou privado.
e a pixação hoje se tornou uma brincadeira sem graça
de quem não tem nada pra fazer na vida.
sair por aí sujando tudo só para apontar e dizer:
__ta vendo lá no alto?? foi eu que fiz!
paredes, janelas, marquises, estátuas, o último andar de um prédio...
quanto mais radical, melhor.
agora, pergunte ao pixador se ele já sujou a fachada da casa dele.
pergunte!!!
não...ele não faz isso...
sai por aí enfeiando a cidade com seus garranchos tribais
ou outros rabiscos horripilantes e fica por isso mesmo.
e lá vamos nós pagar a conta!
a dona de casa sai cedo para comprar o pãozinho da manhã
e vê o muro pixado: "maluco da bola quente".
o maluco da bola quente faz a cagada e pronto.
a dona da casa ao invés do pão, trás a tinta
e o maluco da bola quente, neste momento do dia,
baba sustentado pela pensão da avó.
pixação não é arte,
pixação é crime!
quanto mais ousadia, melhor.
dois otários de índoles pífias
fizeram questão de sujar um dos monumentos mais belos da orla carioca,
a estátua do poeta carlos drummond de andrade...
que maldade...
são tão otários que não sabiam que estavam sendo filmados!
e pagam o ridículo de se postarem como agentes secretos
com a grande missão de incomodar através do pixe banal.
dois otários como tantos outros pelo brasil afora
que acreditam cegamente que o que fazem é arte.
não é arte!!
é crime!!
aprendam com os grafiteiros!
aquilo sim é arte!
não não não! não gosto do justin bieber!
grafite é arte!
o grafiteiro pede o muro,
pede autorização e faz a poesia acontecer no cinza das nossas cidades!
sim ao grafite, não à pixação!
precisamos de educação
e não de pixação.
sua pixação não faz o efeito esperado.
aliás, o que se espera da pixação tipo "maluco da bola quente"?
ou dos garranchos indecifráveis?
nada.
absolutamente nada.
arte rupestre, desenhos indígenas, coisas de calígrafos...
tudo isso tem o seu lugar!
isso é arte!
e vive nas paredes rochosas de alguns milhares de anos,
e vive nas tribos, quase sempre oprimidas, mas vivem!
e vive na criação constante nos estúdios.
nos estúdios de criação!!
não estão marcando território
e nem ousando na cara do drummond de bronze!
a arte é muito mais que a sujeita escarnecida nas paredes!
a monalisa será sempre uma obra de arte,
no louvre ou na favela,
o pixe...
bem,
o pixe,
será sempre um crime ridículo de gente à toa.
que me perdoem os meus amigos pixadores,
mas vivemos numa democracia
e não preciso sujar as paredes alheias
para que vocês leiam a minha opinião.
aliás, você só ler se quiser!
não obrigo ninguém a ver o que escrevo
ou o que eu rabisco,
porque nada disso está nos muros dos outros.

sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

vestido de mim mesmo!


aguardando para o banho telefone toca:
oi..saudades...
__oi...onde você tá?
casa minha...
__fazendo o quê?
pelado esperando pra tomar banho...
__credo! não quero conversar com homem pelado!
tudo bem...sabe como estou vestido??
__ãnn....?
de rei!
__rei?
rei! roupa de rei! sou um rei agora!
__(...) ã...
isso! posso estar com qualquer roupa! basta você imaginar!
__(...) ah..
agora tô de pirata!
__credo...cê tá ficando doido...tiau....até amanhã...tu tu tu tu...
bom, agora posso entrar na água sem meu telefone!
vestido de mim mesmo!

segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

quero mesmo é cair em seus braços!!


uma cama de casal despencou em meu quarto.
assim do nada, minha solteirice passou para outro estado civil.
e vejo aquela cama gigante, onde me sobram espaços.
ai ai meu Deus....
quero mesmo é cair em seus braços!!

quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

bom, agora tenho outro viés da janela.


chegar em casa com ar de mudança é assim:
pega a cômoda e manda para outro quarto,
inventa uma nova cama,
arranca uma vitrola antiga de sua comodidade,
trocam-se porta-retratos por arranjos de flores,
e mete uma nova manta sobre o sofá.
de verdade! a casa está toda virada!
os sapatos agora ficam dali,
os chinelos daqui.
o interior muda,
mudam-se também as coisas.
uma taça quebra!
era hora dela.
bom, agora tenho outro viés da janela.

terça-feira, 17 de dezembro de 2013

afundamos-nos em sua maciez.


compramos um tapete.
e esse é mágico mesmo!
sentamos-nos sobre ele.
afundamos-nos em sua maciez.
começamos a levitar,
alçamos voo com rumo ignorado.
poeríamos ter ido em dubai
ou ali do lado,
mas o fato é que o rumo
foi mesmo ignorado.
sabemos que voamos.
flutuamos sobre as nuvens.
fomos alto, bem alto!
o vento batia forte em nossos corpos
e sol fazia brilhar nossos olhos.
onde seguramos aqui?
não se preocupe! ele é mágico!
tudo bem então! reclamar nunca mais...
só amar.
através do mar,
das nuvens
e das paredes deste lugar.

segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

__meu Deus...! vou acender uma vela!


morreu ele.
__ele quem?
o mandela!
__madela? é ele ou ela??
é ele! nelson! nelson mandela!
__conheço não...
foi guerrilheiro, preso e presidente na áfrica do sul!
__foi tudo isso?
sim! lutou pelo fim do apartheid...
__apar o quê?
apartheid, que significa separação..a separação entre brancos e pretos!
__ahhh... aparteidi...certo...e por que foi preso?
depois de lutar tanto, foi preso e ficou por 28 anos atrás de uma cela...
__nossa.....que história essa do mandela...
depois da cadeia, se tornou presidente!
__meu Deus...! vou acender uma vela!
branca, preta, vermelha ou amarela?
__tanto faz! o que o homem queria era paz!


sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

será um voo muito mais feliz que o voo do 14 bis!


ó dulcíssima água minha!
contamos os passos para o novo ano
e, se eu não me engano,
nosso caminho se acerta em 14!
será um voo muito mais feliz que o voo do 14 bis!
vamos ganhar o universo galático!
o mesmo universo tão celebrado por nós!
uma atmosfera de luzes maravilhosas!
piscando mais que as luzes de natal que colocaram
nas avenidas e árvores de nossa cidade!
verdade!
vamos entrar o ano com os dois pés,
pular todas as sombras e ondas,
cair de olhos cheios no fuguetório,
explodir de alegrias,
brilhar muito feito estrelas ascendentes!
oba!
vamos ficar mostrando os dentes!
feito dois bobos alegres!
sempre alegres!
pelas vitórias vindouras
e pela pavimentação de nosso caminho!
não vamos deixar canalizar nosso córrego!
mas vamos seguir logo
cedo, cedim, para selar nosso sinal de paz e amor.
viva 2014!

e na hora da decisão do lulu vence quem?


já fazem mais de 10 anos que abdiquei de assistir tv.
ontem liguei e sapiando os canais, assisti o the voice brasil
bem na hora em que cantava um cara sensacional,
o dom paulinho.
presença marcante, voz surpreendente, música linda!
pensei: ninguém tira esse sujeito!
daí, vem os concorrentes.
o povo votou de maneira popular e previsível
no rapaz do bigodão que,
virgesanta! que que ele ta fazendo ali??
e lá vem a outra candidata:
uma loira tatuada cantando em inglês e ainda desafina.
ela desafinou, viu!?
e na hora da decisão do lulu vence quem?
alegando que o dom paulinho esquecera a letra,
lulu escolhe a loira tatuada desafinada de voz cansativa.
e isso não foi justo!
desliguei rapidamente a tv.
do dom paulinho não vou me esquecer
mas sorte minha não querer saber mais de tv.

mestre mandela repousou seus cabelos brancos.


mestre mandela repousou seus cabelos brancos.
por muitos anos, eles ficaram presos,
mas agora, definitivamente,
seus cabelos brancos estão livres.
o branco por muito tempo o cercou
e o privou de liberdade.
e o branco, pasmem!, representa a paz!

um homem com uma história fascinante
como nelson mandela jamais poderá ser esquecido.
a áfrica do sul e toda grande mãe áfrica
devem muito a este homem.
aliás, todos nós devemos muito a este homem.
o racismo é algo que entristece nosso Deus.
somos iguais!
iguais mesmos!
a diferença está nos olhos de quem vê
e nos olhos de quem viu.
uma foto em preto e branco.
sim!
era isso que mandela queria!
as duas cores juntas formando uma nação!
onde o preto se libertaria
e, ao invés de mera vingança,
viveria em harmonia!
o sonhador sonha...
e leva seus sonhos junto
quando vai embora deste mundo.
parabéns mandela!
pelos seus 95 anos!
parte deles atrás das grades
e todos eles à frente de um povo!
descanse em paz mandela!

quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

os hooligans não assustam ninguém.


briga em estádio de futebol é uma coisa banalzinha no brasil.
existem os enfrentamentos premeditados
entre torcidas rivais organizadas.
torcidas organizadas e desorganizadas.
as torcidas podem ser rivais ou pior,
torcedores de um mesmo time.
esse é o nível dos torcedores do país da copa.
vale a pena?
deixem os gringos!
os hooligans não assustam ninguém.
ridículo ponto em que chegamos!
policiamento entre as torcidas
realmente, não é obrigação do estado.
que os clubes tratem de gastar
com seus cãezinhos de briga
porque essa dívida não cabe no nosso bolso!
(no bolso dos que não tem coragem de ir assistir uma partida de futebol
nem na copa e nem na cozinha!).

sábado, 7 de dezembro de 2013

lâmpadas que nunca mais se acenderam.


paredes que choram,
lâmpadas que nunca mais se acenderam.
a conta esta em dia,
mas sua ausência aqui faz noite.
as flores pulam alegremente
esperando seus olhos e nada.
elas esperam...esperam...esperam...
até que murcham.
a belezinha delas não se compara com a sua.
elas queriam te contemplar antes de partirem para eternidade,
para o ciclo normal da vida.
para as flores, você é uma lenda!
para mim, você é a água pura que me faz ser eu.
e eu sou mais da metade, água.
completo-me cem por cento água quando te abraço.
aí, tudo é o frescor de um abraço gostoso,
de um perfume incomparável,
de um calor maravilhoso.
visite os jardins!
você é uma divindade que habita os pensamentos mais felizes
das flores! (e os meus também!).
as paredes se colorem feito arco-íris
quando te veem.
vai!
toque-as!
elas querem também ser ouro!
nada mais temos para dizer,
apenas a palavra "sede",
que aqui substitui "saudade".

segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

significativo, um três quase quatro!


a chuva não cansa!
estamos na época!
enquanto isso,
atrás do sol,
três anos e oito meses fazem festa!
um tempo expressivo,
significativo, um três quase quatro!
já temos muitos retratos!
todos lindos!
você os deixa assim.
e eu?
admirado!
feliz!
exagerado!
de tanta festa atrás desse sol que brilha até debaixo de chuva alucinante.
mais outra vez,
obrigado.
pela água pura que sois,
pela luz intensa que irradias.
essa luz é a luz da felicidade,
o caminho para este lugar remoto
e ao mesmo tempo
próximo
que é
o
amor.

terraaaa! terraaaa! terraaaa a vista e parcelada!!!


a terra fica assim: doida!
girando sem parar,
em torno de seu próprio eixo,
em torno do sol,
só de pensar
eu fico sem ar!
a terra é doida!
mistura de terra, água, gases e nozes!
espécies em extinção
e pessoas boas.
a terra precisa de internação!
passar por uma lavagem estomacal,
parecer-se apenas estocolmo,
ou inteira cerrado.
um canavial?
um cafezal?
um monte de vacas?
a terra é muito mais!

a terra flutua...
feito uma pluma...
flutua...

uma pluma com órbita!
a terra é uma casa de artista,
cheia de bugigangas penduradas pelas paredes.
nada de ambiente clean.
os índios adooooram bugigangas!
a terra é nossa,
mas alguns pensam diferente
e querem tudo só para si.
não!
não pode ser assim!
a terra cercada daqui até marte pelos fundos
e do pólo norte até plutão pela frente.
tem jeito?
mãe terra...
que saudades tenho de você...
opa!
terraaaa! terraaaa! terraaaa a vista e parcelada!!!
nota do editor:
neste caso não usamos crase
porque é modo e não lugar.
grato,
à direção.

domingo, 1 de dezembro de 2013

taças cheias, mesa bamba, filomena.


numa mesa, numa festa.
taças cheias, mesa bamba, filomena.
__filomenouuuu!!!uhuuuuuuu!!
__ (...)...
__vejam! venham todos! salgadinhos mergulhados no refri!
__ (...)...
__chega pra cá, gente! é uma piscina de coca! vem pra qui!
__ (...).
escândalo simples...família...filomenança...
diversão garantida!
enquanto isso, gurdanapos de pano são sacrificados
para que um riacho de refrigerante não atinja as nossas roupas...

quinta-feira, 28 de novembro de 2013

encontraram drogas no helicóptero do perrela!


meu pai do céu!
encontraram drogas no helicóptero do perrela!
quem é o perrela??
é o senador do cruzeiro!
o perrelinha é deputado!
agora estão culpando o piloto...
o piloto é funcionário da assembleia legislativa de minas!
e o piloto não mente!
nem morto!
o combustível foi devidamente pago por nós,
contribuintes deste belíssimo estado de alucinações.
senador, deputado, aécio...
todos ficaram extremamente consternados com a situação,
afinal, não é todo dia que 450k de cocaína são descobertos assim!
por mais que os fretes sejam rotineiros.
estão abafando o caso a pedido de um presidenciável.
mas minas não pode se esquecer!
e nem o espírito santo!
e nem o país inteiro!
isso não pode ficar impune.

uso um aparelho de barbear usado.


estava com a cara cheia de pelos.
havia um propósito para isso.
os pelos sempre crescem.
insistem.
e eu não posso me opor a isso.
alguns estão vindo brancos.
meia dúzia saindo do queixo.
por causa destes meia dúzia,
todos os outros foram condenados à navalha!
a barba me transformou,
mas só aos olhos da água.
nada contra a barba!
tem quem nade contra a maré...!
passo a máquina.
não quero imbróglios!
uso um aparelho de barbear usado.
descartável mas já usado.
por mim mesmo.
cara lisa.
posso sair.
nada de pelinhos brancos!
nada de espetamentos involuntários!
estamos bem e isso é o que importa.
deixemos a dona barba para a ocasião!
voltei a ser o que era antes
sem nunca ter me mudado,
apenas,
barbeado.

segunda-feira, 25 de novembro de 2013

rabdomancia, astrologia, etceteralogia.


"numerologia é uma ciência que estuda os números e suas influências sobre as pessoas.
os números tem um valor metafísico de grande significado, denotando características internas dinâmicas que modelam o destino das pessoas.

pitágoras foi um grande e iluminado filósofo que através
da análise humana, codificou os conceitos básicos da numerologia
que tem sido amplamente usada desde sua criação até os dias de hoje.

para ele, a harmonia e o equilíbrio do universo, repousam nos números e na geometria".

a numerologia é uma arte milenar,
mas, normalmente, sou levado a não crer nestas coisas de numerologia, quiromancia,
rabdomancia, astrologia, etceteralogia.

mas, uma estrela apontou uma data importante,
cujos números somados chegarão ao icônico 7,
o número da perfeição.
ué, se é pra ser, que seja então!
vamos de 7 que com nóis ninguém se mete!

sentimos-nos alagados!


chuva caiu sem parar.
foi muita água!
enchendo de bênçãos aquele sobrado.
sentimos-nos alagados!
pés molhados!
para o céu o nosso obrigado!

sexta-feira, 22 de novembro de 2013

é proibido dirigir embriagado esta cidade!


o delegado de trânsito foi preso por embriagues ao volante.
sem contar que agiu como meliante ao meter um tapa na cara de um sargento.
(disse que bateu porque o sargento era nojento).
mesmo que fosse! agressão assim não pode seu dotô!
pura pinga no bafo,
lá vai nossa autoridade
passar rente as grade.

onde já se viu?
delegado preso
da polícia civil?
nem aqui e nem em estoril!

não podemos nos esquecer que, recentemente,
nosso "sub-secretário de trânsito"
(foi assim que ele se identificou para os policiais),
sr. roberto césar souza lopes
também foi flagrado na manguaça.
no caso dele, cargo de confiança do prefeito,
talvez, até, amigo apaixonado,
a coisa foi mais fácil:
de ressaca e exonerado.

mas...o delegado...
o sr. ademar carvalho leite,
tomou foi cachaça mesmo!
e saiu, ziguezaguendo com seu carro.
bateu noutro que estava devidamente estacionado.
polícia militar no local.
desacato,
confusão,
você sabe com quem tá falando,
cadeia,
fiança e televisão.

a cidade está péssima para autoridades sóbrias!
todos sabem:
é proibido dirigir embriagado esta cidade!

minha vaga-lume!


amada água:
quero dividir contigo estas letras
que brincam aos meus olhos.
as letras são poucas mas são verdadeiras,
autênticas e traduzem uma multidão de outras coisas boas:
te amo.
a cada novo dia,
a cada novo ano,
te amo.
sem pensar duas vezes,
te amo te amo.
multiplicadas vezes,
te amo.
você faz parte de mim
em mais da metade!
verdade!
essencial água minha!
vivo saudosista de suas gotas
e de seu vapor refrescante,
seu perfume,
minha água,
minha vaga-lume!

terça-feira, 19 de novembro de 2013

vi um pássaro voando alto.


vi um pássaro voando alto.
admirei o seu voo.
sutil, suave e ao mesmo tempo, robusto.
fiquei apaixonado...
meu Deus! qual será essa ave?
num espaço de cinco dias pude contemplar por duas vezes
o pássaro marrom de asas longas meio avermelhadas.

numa bela tarde de uma terça qualquer,
eis que o vejo numa arvorezinha agonizante!
bem em frente à minha casa!
parei mansamente.
desliguei a chave.
fascinei-me!
são lindas suas asas! disse baixinho.
caaaraaaa...você é bonito demais....! continuei sussurando.
tirei minha câmera.
não poderia perder a oportunidade!
comecei a filmar e chegando feito um zoom.
mas...
bateu asas e voou...
ao menos pude ver que se tratava de um gavião caboclo,
raro de se ver em ambientes urbanizados.
no cerrado construído, vemos mais o carcará, ágil como um raio.
agora, olhos abertos!
que esse gavião caboclo mora no meu bairro!

sábado, 16 de novembro de 2013

obrigado deodoro!


marechal deodoro da fonseca proclamou a república em 15 de novembro de 1889.
foi mais um dia que entrou para história do brasil e virou feriado nacional.
agradeço ao marechal e às autoridades competentes que criaram o feriado de fato.
dia 15 de novembro, para mim, deveria se estender alguns dias mais.
este feriado me trouxe amor e paz.
obrigado sr. marechal deodoro!
poderia me exaltar e gritar
que te adoro!
mas nada disso!
se estivéssemos ainda na monarquia,
da corte eu seria o bobo apaixonado!
que olha nos olhos da rainha mas pro rei,
olha de lado.
agora é república!
feriadão bão...
obrigado deodoro!
posso te dizer que,
no mínimo,
te adoro!

sexta-feira, 15 de novembro de 2013

e esta foi a fala do advogado de defesa do sr. josé dirceu.


entenda o caso:

"É lógico que tanto a defesa técnica quanto o ex-ministro José Dirceu não recebem uma decisão dessa de uma maneira satisfatória. Há, sim uma indignação com relação a essa decisão, mas repito, cumpridor da lei, o ex-ministro vai cumprir rigorosamente o que foi determinado pelo STF".

e esta foi a fala do advogado de defesa do sr. josé dirceu.
mas...peraí...cumpridor da lei? como assim? que lei?
é, porque tem um montão de lei que ele não cumpriu!
aliás, alguém tem que dar um toque nesse povo!
seria um cumpridor das leis se não fosse réu,
se não tivesse sido condenado.
mas o homem ta na fila de novos crimes ainda!
que piada!
vai passar uns dias na cadeia, dirceu!
digo, umas noites! que a justiça te foi branda!
esqueça a bahia por alguns dias
e depois volte para comemorar!
que se cumpra a lei, ó cumpridor da lei que é!

quinta-feira, 14 de novembro de 2013

antes que uma gastrite nervosa te pegue.


momento de ter calma
e não tomar decisões esquisitas.
também não podemos concordar
com um peso e duas medidas.
tem que ter aquele algo mais...
isso é individual e intransferível.
cada pessoa sabe a hora de tomar sua decisão.
pode ser uma ruptura abrupta
ou um mero questionamento
que faça o opressor pensar.
mas alguma coisa precisa ser feita
antes que uma gastrite nervosa te pegue.

terça-feira, 12 de novembro de 2013

e os nós vão se desfazendo!


estávamos esperando por você dona notícia!
não veio por fofoca e nem por computador!
veio por carta dos correios!
junto, vieram novenas, trezenas, sinais e
outras indicações de que alguma coisa
precisava acontecer!
alegramos-nos
e esperançamos-nos!
e os nós vão se desfazendo!
pra ficar só
nós
dois.
podemos arrumar a casa
e preparar a festa!
ta chegando
o dia dos nubentes
poderem dizer:
enfim, sós!

3 da madrugada.


3 da madrugada.
a "hora dos demônios",
a "hora morta",
enfim,
assim dizem.
lendas urbanas,
filmes, exoterismo,
folclore...
todos tem sua explicação para as 3 da madrugada.
mas que nada...
3 da madrugada, pra mim,
é hora de chupar laranja
e jogar as sementes longe,
apertando-as entre o polegar
e o indicador.
no silêncio da madrugada
se pode ouvir o zunir
das sementinhas
voando e repicando
nos cantos da casa,
móveis e outras coisas
no meio do caminho.
talvez até acertem alguma assombração,
mas isso eu não sei não.

quinta-feira, 7 de novembro de 2013

sou pescador!


sou bom de bola.
corro o campo inteiro,
volto, ataco, marco, driblo,
dou um passe pra mim mesmo!
assistências?
as melhores!
passe errado não é comigo.
sou o orgulho do meu time.
não penso só no meu umbigo.
no final de cada partida,
sento na mesa do buteco
e tomo umas gelada com os amigo.
peço um espetim de picanha
e analiso o brasileirão.
chego tarde em casa.
todo santo dia é assim.
treinando pra copa do brasil.
se sou feliz?
dimais!!
saindo ou não a convocação,
meu lugar ta sempre garantido
em algum lugar!
sou bão de bola!
sou brasileiro!
sou pescador!

minha água é a rainha do apartamento.


minha água é a rainha do apartamento.
neste momento, arrumando os documento.
tudo novinho!
porcelanato polido bege,
dos mais bunito do universo galático trifásico do mundo!
a garagem é uma moleza de se chegar,
e a sala é maior que a dos outros apartamentos.
é investimento,
é prestação,
é muitos dinherim pro futuro.
agora é por a luz
e tomar banho quente
no novo apartamento
da minha água!
viva!!

quarta-feira, 6 de novembro de 2013

um balde de água fria!


um balde de água fria!
bem no meio da minha cabeça!
que desceu molhando tudo!
foi assim quando olhei pra´quelas mãozinhas lindas
de unhas comidas até o talo.
o que fazer?
nada.
me calo.
nada à declarar.
tudo já foi falado.
o aspecto físico e psicológico
já estão cansados de tudo,
mas erram novamente.
e pelo visto, continuam sendo roídos
à qualquer pretexto.
triste.
um balde de água fria.
festa de fim de ano e casamentos com unhas postiças?
nem pensar!
feio!
feio muito!
é preciso ter opinião e personalidade.
torço com meus dedos cruzados
e unhas feitas.
que você vai mudar essa infeliz realidade.

justin bieber aprontando todas no brasil


"Justin Bieber saiu em plena madrugada no Rio de Janeiro para grafitar muros.

Por volta das 3h da manhã desta terça-feira (5), Bieber foi fotografado pichando um muro em São Conrado.
Um paparazzo que preferiu não se identificar disse que foi agredido e teve suas roupas rasgadas pelos seguranças do astro.

Outro profissional informou que teve um paralelepípedo atirado contra seu carro; e um terceiro, Gabriel Reis, disse que foi xingado pelo próprio Bieber, que o chamou para uma briga.
Os fotógrafos se dirigiram à UPP da Rocinha e voltaram com um carro de polícia que, segundo relatos, os protegeu enquanto fotografavam o artista.

Na manhã desta terça, as pichações e grafites de Bieber foram apagados por outros paparazzi, em represália ao cantor."

é desse jeito.
o cara tá em baixa nos eua
e no resto do primeiríssimo mundo
e cai aqui na américa do sul.

quebra hotel,
aluga uma casa,
enche de prostitutas,
agride fãs e paparazzis
e até abandona o show antes do fim.
e fica tudo por isso mesmo.
não não não...
na verdade, isso não é preocupante.
o que preocupa é a total impunidade!
prevaricação aberrante de quem deveria agir
de maneira igual com quem infringe a constituição brasileira.

justin bieber aprontando todas no brasil
e fica por isso mesmo.
fãs do bieber?
um bando de alienados!

e ao paparazzi que apagou os grafites do cantorzinho,
obrigado!
que nada fique para ser lembrado!
grafitinho chumbrega de gringo prepotente?
apaga tudo!
esse foi o show.
aplauses!

segunda-feira, 4 de novembro de 2013

uma reunião na cozinha da casa velha.


uma reunião na cozinha da casa velha.
chuva muito lá fora.
e cá dentro, goteiras.
é noite.
as lâmpadas se enfraquecem.
e ficam apagando e acendendo.
olho pra cima com mais cuidado.
as lâmpadas estão cheias de água!
são daquelas lâmpadas quentes,
modelinho padrão antigo.
alguém acorda.
é ela!
minha mãe natureza!
acorda e passa pelo corredor rumo ao banheiro.
serena serena...
entra no banheiro e não fecha a porta.
hábito antigo dela.
como estamos com visitas, encosto a porta da cozinha.
as lâmpadas voltam ao normal
e iluminam mesmo cheias de água.

foi uma luz!

uma divina luz que me trouxe minha mãe natureza
para que eu pudesse vê-la um pouco e matar a saudade.
como ela ta bonita...
agradeço ao Criador disso tudo.
um dia depois de finados me concede uma visita dessas!
e ainda em nossa casa antiga,
lugar onde fomos tão felizes!
onde crescemos sob os cuidados delicados de nossa mãe natureza,
onde aprendemos o que é família.
a casa velha no quintal dos aviões,
onde voávamos alto, e pulávamos das árvores feito macaquinhos peraltas!
os pés de manga, de tamarindo, de goiaba e abacate...
tudo em abundância!
e a presença de uma mulher esplendorosa
que hoje habita um lugar chamado saudade.
ôooo saudade...
às vezes dói amargamente...
outras vezes, nos faz refletir, filosofar
sobre a efemeridade da vida
e o total desconhecimento da morte.
desejo discernimento, saúde e que sejamos fortes,
assim como existiu a mãe natureza neste mundo,
existamos seguindo seus exemplos,
no mundo real, nos sonhos, em nós mesmos.

domingo, 3 de novembro de 2013

só observando onde o urubu vai pousar.


tô aqui...
só observando onde o urubu vai pousar.
ele, muito provavelmente, ta de barriga cheia.

agora é hora de cová.
simbora todos cová?
dormir e acordar cedo,
dá um tapa no despertador
e partir pra labuta de segunda!

cadê?
__o quê?
o urubu!
__pousou.
e eu não vi...que coisa!
__aff!
o que importa é que te amo você...

sábado, 2 de novembro de 2013

podemos até dar voltas de velotrol


hoje tenho motivos para comemorar!
chegamos juntinhos aos 3 anos e 7 meses!
já estamos criancinhas espertas!
podemos pular do guarda roupas na cama
e brincar com água no sol.
podemos até dar voltas de velotrol
em torno do pé de abacate!
tudo é diversão!
vamos viver assim:
feito crianças brincando de viver!
maravilhas até hoje recebemos sem parar!
agora é esperar para que nossas brincadeiras,
parlendas e astúcias se inscrevam de vez na história!
é assim:
com simplicidade e sintonia
que vamos ganhando nossos dias.

finados é puro comércio.


morreram todos que estavam vivos.
e foram para o cemitério.
alguns, permaneceram lá por cinco anos,
outros, eternamente.
alguns são pisados pois não há nada que os marque no chão,
outros, são mármores e granitos lindos!
mas, no fundo no fundo, ao menos sete palmos de terra os unem.

porta do cemitério...
todo dia dois do onze é a mesma coisa:
__flores! flores! verdadeiras e artificiais!
__tem promoção e pra mocinha!
__(promoção e pra mocinha que estão enterrados ou não!)!
__água! sucos! cervejinha gelada!!
__espetinho!! quentinho!! aqui a carne é friboi!
__flores! não trabalho com preço, trabalho com qualidade!
__vai lá mininu! busca uns vazim pra mamãe!
__pega aí um folhetinho! visita lá!
__posso passar aqui?
__onde pego o ônibus?
__flores! flores! baratim! duas é cinco quatro é dez!

finados é puro comércio.
ou melhor, tá puro comércio.
há um grande esquecimento do real sentido de finados.
e isso é muito triste.

assim como todas as outras datas que homenageiam,
finados ta perdendo a tradição das indulgências, do resgate das almas do purgatório
e se parecendo com um daqueles programas de auditório.

resto do ano, cemitério vazio...flores secas, plantas ornamentais mortas
e ervas daninhas em abundância.
reviver a dor.
chorar.
lamentar o tempo perdido.
sofrer de um remorsso louco.
mais vale falar com Deus e pedir pela alma do ente querido
que ficar doente
de tanta
dor
de
ausência.

paciência...

aproveite cada segundo ao lado de quem é amado,
assim, visitar um cemitério não será prioridade
e nem o fim do mundo.
pagar o descuido de uma vida toda com mimos no dia dos finados é,
no mínimo, a certeza de quem não aprendeu a lição.

sexta-feira, 1 de novembro de 2013

depois, jogou a bituca pra lavoura.


eu juro que vi!!
estava passando ali
quando logo percebi
uma senhora gari.

ela estava sentada,
certamente, muito cansada.
tinha a cara desanimada,
na varrição deu uma parada.

a mulher fumava.
sentada sob uma marquise,tragava.
ao se levantar, ofegava,
e para a bituca, olhava.

em pé, puxou para si a vassoura.
por ela passaram uma ruiva e uma loura,
depois, jogou a bituca pra lavoura.
sujou a rua como se fosse caloura.

pode?
não pode!
varreu
e...
sujou.

num contraste louco
de quem ganha pouco
para trabalhar no sufoco
e não poder tomar aquela água de coco.

ideias contraditórias.
paradoxos.
antônimos.
contrários.
os opostos se atraem?

a bituca ficou lá,
se esfumaçando com o restinho de pólvora e fumo.
a vassoura por ali já havia passado e,
agora, era do outro lado.
tá bom!
fica pro dia de sábado!

quinta-feira, 31 de outubro de 2013

um vasinho com flores me chama atenção.


abri a porta da casa branca.
entrei como sempre faço:
tirei o capacete e joguei sobre a mesa,
em seguida, a mochila com a papelada,
os óculos, as chaves e celulares,
tudos nos mesmos lugares.

no meio dessa correria,
um vasinho com flores me chama atenção.
e mais outro ornamento aparece embelezando o ambiente.
e algumas tulipas resplandecem sobre o painel.
que isso??
tô no céu?
é água que veio aqui?
veio com sua beleza embelezar tudo!
que mulher maravilha é essa?
obregado!
a casa branca se prepara
para te receber!
e te fazer sentir em casa.
obregado mesmo!!

terça-feira, 29 de outubro de 2013

e agora gentili?


"Conhecida por ser a maior doadora de leite humano do Brasil, a técnica de enfermagem Michele Rafaela Maximino, 31, entrou na semana passada com uma ação de ressarcimento por danos morais contra o humorista Danilo Gentili, do programa “Agora é Tarde”, da Rede Bandeirantes.

No programa do último dia 3, o comediante fez piadas em rede nacional utilizando uma foto dela sem autorização. Gentili chegou a comparar Michele com o ator pornô Kid Bengala. “Em termos de doação de leite, ela está quase alcançando o Kid Bengala.”

Ao ser exibida uma foto de Michele no programa no momento em que ela fazia a ordenha para doar o leite, o comentarista Marcelo Mansfield, colega de palco de Gentili, ainda afirmou que não era uma “espanhola, mas uma América Latina inteira”.

Michele, moradora da pequena cidade de Quipapá, na zona da mata de Pernambuco, diz que pretende parar de doar leite pois se sente humilhada. “As pessoas nas ruas têm me chamado de vaca, vaca do Gentili. Parabenizar pelo meu ato, ninguém faz, mas xingar é o que mais acontece nas ruas depois da piada na TV”, reclama.

Segundo Michele, que conseguia retirar até dois litros de leite por dia, a repercussão negativa prejudicou até a sua produção de leite. Atualmente, ela conta que consegue retirar apenas 600 ml por dia. Ela já chegou a doar mais de 351,8 litros para unidades de saúde.

Michele é mãe de duas crianças – Gabriel, 3, e Mariana, 1 ano e quatro meses – e doa o seu leite desde que a caçula tinha apenas sete meses. Ela conta que Mariana ainda é alimentada por ela que diariamente estereliza os potes, faz a ordenha e congela o leite para fazer a doação. Ela e o marido ainda rodam 80 km para levar o leite até o Hospital e Maternidade Jesus Nazareno, em Caruaru. “É um ato de amor para salvar outras vidas”, comenta Michele. A filha dela também nasceu prematura e foi aí que ela descobriu a importância da doação de leite humano.

A diretora geral da maternidade Flora Raquel de Freitas Araújo confirma que a produção de leite de Michele chegou a ser responsável por 90% do estoque do banco de leite da maternidade, que foi criado em 2007. Ela ressalta que como a doadora está abalada psicologicamente o estoque reduziu no último mês. “Em setembro, ela doou 39 litros e agora em outubro conseguiu 17”, lamenta a diretora da unidade hospitalar.

Flora Raquel diz que o hospital está dando ajuda psicológica para Michele. “O programa de TV fez um desserviço em rede nacional ao relacionar a mama de uma mulher que amamenta ao ato sexual. Acho que eu e todas as mulheres que assistiram ficaram ofendidas”, diz a diretora do hospital, que é o maior da rede pública de Pernambuco em número de partos. Por mês acontecem, em média, 500 partos na unidade.

Conforme mostrou o Maternar no post no post ‘Mães de leite´ salvam vida de bebês prematuros nas UTIs, a doação de leite materno ajuda a salvar diariamente vida de bebês prematuros que não podem ser alimentados por suas mães.

O advogado de Michele, Cláudio Lino, diz que ação foi ingressada na 2ª Vara Cível do Fórum de Olinda no dia 22 de outubro. “O humor ultrapassou dos limites. Expor uma mãe de família com termos chulos, como relacionar a doação de leite com a masturbação fere a dignidade dela”, diz o advogado. “Ela mora em uma cidade pequena e tem sido motivo de piadas.”

A assessoria de imprensa da Rede Bandeirantes informou que a emissora não se posiciona sobre questões jurídicas. Já a assessoria do comediante não retornou os telefonemas feitos pelo Maternar."

e agora gentili?
nada gentil.
nada pessoal, mas você (ou o seu produtor), abusaram muito do bom senso.
outros humoristas já perderam a noção de maneira extrapolada,
mas você ainda se mantinha no limbo.
a crítica gostou de você.
do formato, mesmo que nada original, do seu talk show...
gentili, gentili...! você soa tão brilhante quanto o jô soares.
mas...

e agora?

agora é tarde.
palavras mal ditas não voltam atrás.
foram lançadas e feriram do lado esquerdo do peito.
sabe gentili, você deveria parar de humilhar e escarnecer
as pessoas bondosas como a michele
e descer o sarrafo em caras que você tanto bajula,
como seu querido paulo maluf.

uma brincadeira de péssimo gosto
não pode ficar impune.
que você, seus produtores
e sua emissora paguem caro pelo mal que causaram.
quem sabe esse dinheiro não sirva para algo mais útil
que alimentar suas piadas chulas!

michele..., querida michele, continue com a sua ação memorável...
anime-se!
veja quantas crianças dependem de você!
veja quantas crianças estão bem!
não deixe que uma brincadeira descabida
atrapalhe este lindo projeto de vida!
você é uma super mãe
e deve se orgulhar de ti essa pátria amada!
muito mais que uma citação no guiness,
seu leite ficará para sempre
na história de muita gente que precisou dele!
parabéns pela linda vocação:
ser mãe de tantas gentes!

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

viver e não ter a vergonha de ser feliz, mas ter a sabedoria para deixar de ser sem vergonha.


fé e respeito.
fundamental andarem juntos.
mas...
não serviu muito como tema da marcha do orgulho gay daqui não...
o que se via era um total desrespeito
e um montão de peitos.
peitos e bundas.

sinais sacros pra todos os lados:
cruz pisada,
terço enfiado no fio dental
e coisas desse nível.

é respeito??
nem fé!

para ser respeitado
é preciso antes respeitar.

as demonstrações de beijos lascivos
entre pessoas do mesmo sexo,
quase todos semi nus,
o deboche aos símbolos sacros,
a apologia louca ao homossexualismo...
não...
não é respeito.

podemos cultivar as diferenças neste país riquíssimo neste quesito,
mas não podemos forçar a barra assim como foi visto por aqui.
que façam a marcha!
mas façam com todo cuidado que o assunto merece.
as provocações só criam mais preconceitos
e aumentam as chances de a coisa sempre ficar assim: coisada.
é preciso respeitar!

quem tem fé, caráter e inteligência, respeita.

os dois lados precisam se conhecer melhor.
homos e héteros.
um diálogo que passe pelas linhas da constituição
e que se complete, se amenize, harmonize,
num entendimento que agrade aos que tem fé
e são heterossexuais,
e aos que tem fé
e são homossexuais.

viver e não ter a vergonha de ser feliz,
mas ter a sabedoria para deixar de ser sem vergonha.
e isso vale pra quem quiser!
a felicidade é o que buscamos!
seja feliz do seu jeito,
mas o seja com todo respeito!

estou ficando curado do zóio.


estou ficando curado do zóio.
tudo por conta de uma dose de amora.
amora doce no zóio!
fiquei bãooo!!
agora, meu outro zóio inventou doença:
quer doses sucessivas de amora também!

domingo, 27 de outubro de 2013

__é conjuntivite! pode escrever!


sentado tranquilamente aguardando só a minha hora de assoprar.
a cerimônia segue sem grandes emoções.
nada de se emocionar com o corriqueiro.
mas...
aquela noite era diferente.
tava quente, muito quente.
um pequeno objeto voador não identificado voa desgovernado.
meu Deus! vi se aproximando...
num voo tresloucado, vi se aproximando.
vi demais.
o objeto voador não identificado sentiu-se atraído pelo meu olho direito
como se meu olho direito fosse uma lâmpada na escuridão.
era o olho certo.
era meu olho direito.
e foi!
direto e torto!
fazendo-me enxergar de perto, bem de perto.
fazendo arte, chocou-se o artrópode no meu globo ocular.
dói!
e era uma casamento.
e chorei, chorei, chorei...
__olha só gente!... quanta emoção...!
esfrega esfrega esfrega e nada do corpo estranho aparecer.
dor e vermelhidão.
pronto:
manteiga derretida e maconheiro?
ou vice-versa?
era um mosquito mesmo.
sei porque veio voando com suas asinhas descompassadas.
realmente, eu vi tudo.
vi até o último segundo de vida daquele corpinho estranho.
vi entrando assustado no meu olho.
talvez cometera um erro,
algo que significasse o fim da carreira de mosquito aventureiro.
e sigo jogando água,
colírio,
lubrificante especial,
algodão, ventania.
e nada!
será que está aqui ainda?
será que continuou a voar?
ou será mesmo que morreu e se sepultou aqui?
não sei.
não sabemos.
agora começa uma remelinha insistente.
__é conjuntivite! pode escrever!
mas como conjuntivite?? é transmitida por insetos?
isso foi depois dessa coisa!
não não não! isso não ta certo!
já fui e voltei e nada.
o corpo estranho não sai.
a dor incômoda fica.
vou levando...com receitas caseiras e muitas coceiras.
em ultíssímo caso vou ao olftalmologista.
vou sobreviver, mas aquele inseto indesejável?
quero mortinho da silva!



reticências cheias de inocências...


vai...
pensa...
numa saudade imensa...
é essa da minha água...
reticências cheias de inocências...
de pura saudade mesmo...

segunda-feira, 21 de outubro de 2013

o resgate dos soldados beagles!


o resgate dos soldados beagles!
correria!
ativistas!
polícias!
imprensa!
todos juntos!
e os beagles são resgatados do cativeiro!
alguns depilados,
outros mutilados,
alguns mortos.
no meio disso tudo, ratos e coelhos.
que sejam resgatados também!
os coelhos ganharam cenouras
e os ratos ninguém quis.
minto:
as cobras e corujas estavam à espreita.
e os beagles?
tantos!
gente pega e leva,
alguns fogem sem destino,
outros fuçam na terra pela primeira vez na vida.
que alegria...!

o laboratório está em frangalhos.
tubos de ensaio viraram pó.
pó royal.
e computadores foram destruídos.
a memória ram foi afetada.
não não não...
não haviam rãs no meio da lagoa...
portas arrombadas,
gaiolas dos loucos
e freezeres explorados.
meu Deus!!
um cãozinho congelado!
os cientistas dizem que não maltratam os animais.
os órgãos fiscalizadores afirmam que ta tudo bem.
o promotor informa que as provas foram destruídas.
e agora josé?
a favor da morte ou da vida?
nem raimundo, nem josé gostariam de ser cobaias dos marcianos...
mas é possível testar essas coisas em humanos...
principalmente, naqueles que querem!
então...repensar!
cachorro não pede socorro.
nem bicho algum.
apenas choram.
e os ativistas choram mas agem por instinto.
é o choro pela vida.

ovo maldito.


ovo maldito.
maldito mesmo.
dele sai o ar consumista.
o preço é exorbitante.
a fila da espera é cansativa.
a fome de comida é muita.
e o ovo maldito lá: fazendo maldades.
o jeito é ir mais cedo pra casa
e fritar ovos de verdade.
aí sim! tudo será melhor!
se manda a fome e o ambiente
desconfortável do consumismo.
e sejamos felizes assim:
pãozim com ovo.

quinta-feira, 17 de outubro de 2013

gratidão e beleza queimadas de sol!


mais uns dias nas caldas e voltaríamos torrados.
mais torrados quem os cafés do cerrado!
e no fim o que mais me alegrou??
seu obregada!
isso é tudo de bom!
gratidão e beleza queimadas de sol!
obregado!

segunda-feira, 14 de outubro de 2013

sou metido porque tenho uma gatinha!!


aôooo cara metido!
metiiiido!
só porque é famosinho...
dá um palco pra ele!
dá um microfone pra ele!
numa metidansssa...
toda hora querendo ver quantas curtidas tem!
é desse jeito!

não!!
não é assim não!!
quero apenas que você me curta,
o resto é o resto, oras!
oras que melhoras!
sou metido porque tenho uma gatinha!!

sábado, 12 de outubro de 2013

eu, você e nossas rezas.


filas, gastos, ofícios e burocracias.
isso é pra acabar com o dia!
no meio do olho do furacão
passam a saudade de minha água.
muita saudade mesmo! é isso mesmo!
é nossa data, querida.
nessa data dia dois que se passou
tocamos com os dedos que levam alianças
na ponta de nossas chaves de casa uma só.
ms não me esqueço que,
em três anos e meio,
a guerra pode iniciar e acabar,
o cerrado pode sumir para plantar,
ou para pastar!
mas a paz tá só com a gente dois,
eu, você e nossas rezas.
e vamos com fé!
porque a fé gera a esperança...