terça-feira, 23 de junho de 2020

amigo das antiga


amigo das antiga é uma gíria,
bem comum no triângulo mineiro,
escrita assim mesmo,
sem a concordância com plural
ou com gênero
para o adjetivo antigo.

os amigos das antiga são pessoas
que amamos, que tratamos bem,
que nos trazem boas histórias
e, às vezes, até histórias ruins,
mas sempre serão amigos das antiga.

tenho excelentes amigos das antiga,
para os quais já emprestei alguma grana,
já ajudei em algum sufoco,
já entramos em fria
(como se fosse o mário frias,
com a diferença de que ele não é
um amigo das antiga mas apenas
um puxa saco), já paramos na delegacia
e quase vimos o dia
amanhecer quadrado.
ao lado dos amigos das antiga
quase morri, mas, como diria
o roberto carlos,
"o importante é que emoções eu vivi".

com os amigos das antigas guardamos boas
recordações dos tempos de juventude,
onde as aventuras faziam parte da vida,
coisas que hoje, como quase todos
já tem seus filhos,
não se arriscariam novamente.

o bolsonaro se refere ao queiroz
como a um amigo das antiga,
não necessariamente com esta
belíssima expressão triangulina,
mas com o mesmíssimo sentido.

sentido!!

eita os tempos de quartel....!

os dois dividiram alojamento nos anos 80
e dali, certamente, guardaram boas lembranças!
a amizade seguiu e virou confiança.

após alguns anos, jair virou vereador,
deputado federal e chegou à presidência.
já o queiroz, foi para a polícia militar do rio,
onde chegou a ser suboficial.

o reencontro entre os dois colegas de caserna
aconteceu quando jair o indicou para assessorar o filho,
flávio bolsonaro,
em seu cargo de deputado na assembleia legislativa
do estado do rio de janeiro.
oficialmente, queiroz, que foi para a reserva em 2018,
era motorista do parlamentar desde 2003,
e aí começou a história da "rachadinha",
onde queiroz é um dos protagonistas.

nas palavras do próprio presidente em uma entrevista ao sbt,
queiroz "sempre gozou de toda a minha confiança"
embora soubesse que ele mantinha uma situação financeira atribulada
e "fazia rolo" - situação que não impediu que ele fosse
coordenador da segurança e chefe informal de gabinete do zero um.

hum...é pra pensar um pouco...
coadunar com a criminalidade
já é outra coisa.

queiroz estava desaparecido dos holofotes
mas as investigações corriam em sigilo.
ele não estava foragido uma vez que
não havia mandado de prisão,
no entanto, queiroz escondia seu paradeiro.
enquanto todos afirmavam com convicção
que não sabiam onde nosso assessor estava,
o homem dormia nas dependências do advogado da família,
diga-se de passagem, um advogado fiel.

frederick wasseff, conhecido pela alcunha de anjo,
escondia o homem do qual já havia dito não conhecer e
não saber onde estava.

como este inquilino caiu na sua casa?

opa!! casa não! escritório de advocacia!
tudo pensado direitinho para não surgirem
com uma busca e apreensão, afinal,
a lei garante esta proteção
aos escritórios dos advogados.

um ano de esconderijo
e nada do wasseff desconfiar.
e outra: esconder para quê se não estava devendo?

a parte legal disso tudo foi a live do presidente,
onde ele afirmou que o queiroz estava em atibaia para facilitar
o deslocamento para o hospital onde
o amigo fazia tratamento de saúde.
ele sabia de tudo mas...
o dono da casa não sabia.
esqueceram de combinar isso aí.

de mentirinhas em mentirinhas a gente vai acompanhando
o desenrolar desse imbróglio.
o advogado, teoricamente, já saiu de cena.
ele afirmou, antes de pedir as contas,
que nenhum dos bolsonaros tem responsabilidade
nesse pique-esconde do queiroz.

vamos ver até aonde essa amizade recente,
regada à saliva e bajulações, vai durar.
se algo der errado (mais do que já deu) alguém terá que pagar a conta.
será que o sítio do lula também é do wasseff?
tá tudo ali, pertinho né?
vou ficar na torcida
para que a valiosa amizade das antiga
entre o bolsonaro e o queiroz não seja
abalada por coisa pouca.
ao mesmo tempo, vou torcer,
também, para que o anjo desconfigurado
encontre um ventilador
o mais breve possível
para espantar o cheiro de enxofre do ar.






sábado, 13 de junho de 2020

aos admiradores do ideólogo olavo



raramente faço isso mas... este texto do vicente vilardaga,
publicado dia 12/06/2020 no site istoe.com.br,
diz muito, e de maneira muito pedagógica,
sobre o guru (em plena decadência) do governo federal.
com toda licença poética, estou publicando na íntegra.

aos admiradores do ideólogo olavo,
nosso filósofo de mentirinha,
ofereço essa suave leitura, uma reflexão singela
e baseada em fatos reais.
vai que, num ímpeto de sorte,
num insight astronômico,
tu não caia da terra plana e acorde?
bora lá!
segue a sugestão de leitura obrigatória para olavistas:

O guru despirocou e o hospício abriu as portas

Derrotado em vários processos judiciais e condenado a pagar uma indenização de R$ 2,8 milhões por danos morais para Caetano Veloso, Olavo de Carvalho se desespera, chama Jair Bolsonaro de covarde e ameaça derrubar o governo

O guru Olavo de Carvalho pirou. Sem dinheiro, derrotado em vários processos judiciais, vendo seu pupilo, o ministro da Educação Abraham Weintraub com o cargo ameaçado e condenado agora a pagar uma indenização por danos morais de R$ 2,8 milhões para o cantor Caetano Veloso, a quem chamou insistentemente de pedófilo pelas redes nos últimos anos, Carvalho perdeu as estribeiras em vídeos transmitidos pelo YouTube na semana passada. Ele ameaçou derrubar o governo e acusou o presidente Jair Bolsonaro, a quem chamou de “inativo” e “covarde”, de não fazer nada para impedir crimes e agir contra bandidos.


“Temos que ajudá-lo financeiramente. Ele está chateado, precisa de mais ajuda para continuar lutando pelo Brasil” Luciano Hang, dono da rede de lojas Havan

Magoado, sentindo-se usado e perseguido, o guru renegou a amizade do presidente e falou que não quer mais condecorações. “Enfia a condecoração no cu”, afirmou, referindo-se à Grã Cruz, mais alto grau da Ordem do Rio Branco, com a qual foi agraciado no início de maio. “Se você não é capaz de me defender contra essa gente toda eu não quero a sua amizade”, prosseguiu. Carvalho não foi específico, não disse quem é o bandido e de quem quer ser defendido, mas deu sinais de que rompeu com Bolsonaro e rompeu também com a razão. A não ser que surja a solução para todos os seus males, uma providencial ajuda financeira para cobrir suas dívidas milionárias, Carvalho deverá continuar enlouquecido contra o governo. Mas, infelizmente, não parece provável que seja capaz de derrubar Bolsonaro.

Festival de tolices

Seus impropérios, lançados desde sua casa, na Virgínia (EUA), causaram surpresa entre seus simpatizantes e dispararam um festival de tolices que só o atual governo e seus aliados poderiam oferecer. Mesmo xingado pelo guru de “palhaço vestido de Zé Carioca”, por causa de seu terno verde com gravata amarela, o empresário Luciano Hang, dono da rede de lojas Havan, promoveu uma vaquinha entre amigos para ajudar o ideólogo do governo a sair do buraco. “Temos que ajudá-lo financeiramente”, proclamou num grupo de WhatsApp. “Ele está chateado, precisa de mais ajuda para continuar lutando pelo Brasil”. Hang conversou com Bolsonaro sobre o caso e os dois chegaram à conclusão de que é preciso dar um socorro financeiro a Carvalho para que ele se acalme. Alguns amigos empresários de Hang, porém, como Flávio Rocha, da Riachuelo, e Sebastião Bonfim, da Centauro, demonstram resistência em abrir os bolsos para o guru e se recusaram a participar da vaquinha.

“Estou contrariado, mas não derrotado, eu sou bem guiado pelas Mãos Divinas! P.S.: sim, nóis prantemo um miiarar na varanda” Abraham Weintraub, ministro da Educação

Carvalho também está revoltado com a possibilidade de Abraham Weintraub deixar o governo. Condecorado por Bolsonaro em maio com o grau de Grande Oficial da Ordem de Mérito Naval, ele ficou com a corda no pescoço desde que vieram a público suas ofensas contra os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) na fatídica reunião ministerial do dia 22 de abril. No Palácio do Planalto, depois de arrumar brigas e confusões e abandonar a educação brasileira, Weintraub perdeu qualquer apoio e já foi aconselhado a pedir demissão, como uma forma honrosa de largar o cargo. Nos seus planos, está, inclusive, uma candidatura para a Prefeitura de São Paulo. O ministro teria entrado em contato com o guru para se lamentar e tentar reverter o quadro de ruptura que se avizinha. Carvalho tomou suas dores e fez mais um ataque a Bolsonaro. “Porque eu fui seu amigo, mas você nunca foi meu amigo (…) Você só tira proveito. E devolve o quê? É que nem o Weintraub. Dá uma condecoração. Tá brincando com isso, porra. Só essas multas que os caras tão cobrando de mim, é pra me arruinar totalmente. Como é que eu vou sobreviver nos EUA sem um tostão furado”, protestou. Um provável nome para assumir a Educação é o do empresário Carlos Wizard, que desistiu recentemente de um cargo no Ministério da Saúde. Sobre seus problemas, Weintraub usou o Twitter para filosofar. “Estou contrariado, mas não derrotado, eu sou bem guiado pelas Mãos Divinas!”, disse.

O processo de Caetano Veloso contra Olavo de Carvalho já transitou em julgado e não oferece mais possibilidade de recurso. Caetano é uma obsessão antiga do guru, que ajudou a promover a hashtag #caetanopedofilo. A condenação pelos danos morais foi de R$ 40 mil, que chegaram, corrigidos, a R$ 54 mil. Tratou-se de uma ação de obrigação de fazer com pedido de tutela de urgência cumulada com indenização por danos morais, aberta em 2017. O pedido de tutela foi feito com o objetivo de obrigar Carvalho a retirar todas as postagens ofensivas contra Caetano e parasse de atacar o artista, sob pena de multa diária de R$ 10 mil. Olavo retirou algumas postagens, mas não todas, e por isso o valor da indenização começou a crescer, chegando agora a R$ 2,8 milhões. “A ideia é penhorar as coisas dele”, disse a empresária Paula Lavigne, mulher de Caetano.

“A maior violação de direitos humanos da história do Brasil nos últimos trinta anos está acontecendo neste momento” Damares Alves, ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos

Bullying virtual

“E se não conseguirmos fazer isso no Brasil, iremos cobrá-los nos Estados Unidos”. Segundo Paula, há um roteiro programado de ataque à classe artística no País e Olavo de Carvalho passou de todos os limites. Ela se diz satisfeita com o resultado da ação a adianta que o dinheiro do guru “será usado em causas que pautem nossa resistência”. “Nem todo mundo tem como se defender de ataques e linchamentos morais pela internet. A ação do Caetano tem uma função pedagógica e mostra que quem ofender os outros e praticar bullying virtual pode sofrer consequências gravíssimas”, disse a advogada Simone Kamnetz, que defende Caetano. “As pessoas tem que aprender que elas não podem fazer o que quiserem pela internet”. A defesa de Carvalho reiterou durante o processo que ele não mentiu quando chamou Caetano de pedófilo.

Eminência parda do governo, com influência direta sobre os filhos 02 e 03 de Bolsonaro, Carlos e Eduardo, Carvalho também reclama da imprensa, que diz atacá-lo sem piedade. “Nunca houve contra um cidadão particular um massacre jornalístico e judiciário desse tamanho, nem contra narcotraficantes e líderes revolucionários”, disse Olavo, referindo-se a si próprio. “Há décadas existe esse gabinete do ódio contra Olavo, porra!” Carlos e Eduardo deflagraram, inclusive, com apoio de blogs bolsonaristas, uma operação para segurar Weintraub, diante dos lamentos do guru. Atualmente, Carvalho está desprestigiado entre os ministros do governo. Resta-lhe a simpatia apenas do ministro da Educação e do ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo. Apesar de estar no fim da linha, Weintraub quer cair atirando. Em mais um ato arbitrário, Bolsonaro publicou uma Medida Provisória (MP), na quarta-feira 10, que permite ao ministro escolher reitores temporários das universidades federais durante o período de pandemia. O texto acaba com a necessidade de consulta a professores e alunos ou de uma lista para escolha dos reitores.

Na nau dos insensatos em que se converteu o governo Bolsonaro não se salva ninguém. Com a influência de Olavo, que considera a pandemia de coronavírus uma ficção, ministros criticam o isolamento e invertem a lógica da saúde. Transformam uma medida benéfica em algo ruim. “Idosos estão sendo algemados e jogados dentro de camburões no Brasil. Mulheres sendo jogadas no chão e sendo algemadas por terem feito nada”, disse a ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves. “A maior violação de direitos humanos da história do Brasil nos últimos trinta anos está acontecendo neste momento, mas nós estamos tomando providências”. Uma das providências, possivelmente, será pagar as dívidas de Olavo de Carvalho porque a fúria do guru tumultuou o governo.

bem mau.


imagem ilustrativa

chamada de jornais tendenciosos logo após uma live tendenciosa do presidente:

No dia em que o Brasil atinge o número de 40.919 mortes pela Covid-19, e registra 1.239 óbitos nas últimas 24h
(11/06/2020), de acordo com o Ministério da Saúde, o presidente Jair Bolsonaro volta a questionar a veracidade dos dados de seu
próprio governo:

Tem um hospital de campanha perto de você, tem um hospital público, arranja uma maneira de entrar e filmar. Muita gente tá
fazendo isso, mas mais gente tem que fazer, para mostrar se os leitos estão ocupados ou não, se os gastos são compatíveis ou
não. Isso nos ajuda (BOLSONARO,2020).

é isso aí.
eis o quê o presidente está fazendo,
insistindo em suas insanidades,
sendo o trator que puxa uma leva
de apoiadores, também tomados
pela mesma insanidade.

é vergonhoso que tais palavras
tenham sido ditas pelo próprio presidente,
pelo líder máximo da nação.

não à toa, o país já está no segundo lugar
em número de mortes pela covid-19 no mundo,
atrás, apenas, do seu espelho, os eua,
ou melhor, o trump, que, numa de suas falas desastrosas,
sugeriu que o povo injetasse desinfetante nas veias
para combater o vírus.

os casos de intoxicação por desinfetante
explodiram nos eua depois dessa fala inofensiva,
cujo povo mais simples julgou verdadeira,
afinal, quem falou foi o presidente daquele país.

como vamos progredir dessa forma?

os números já começaram a ter nome e sobrenome,
já tenho vários amigos infectados,
sendo que um deles não aguentou
a violência do novo vírus
e faleceu semana passada.
deixo minhas sinceras condolências
aos familiares do manoel,
um cara sensacional,
fiel às causas solidárias.
vai fazer falta.
não é um número a menos,
é um ser humano que jamais será esquecido.

enquanto o povo bitolado continuar
acreditando que tudo é conspiração
da mídia, que é invenção comunista,
que é exagero desse ou daquele político,
quem paga é o próprio povo,
com a própria vida.

olha só a manchete no dia seguinte
ao incentivo presidencial:

Grupo invade hospital, derruba computadores e chuta portas em ala com pacientes do coronavírus no Rio!

é isso que ele quer?
é assim que vamos vencer essa batalha?

terrível.

mais terrível é ver gente do bem apoiando isso tudo.
seriam, realmente, gente do bem?
que bem é esse?

bem mau.

após a postagem desse texto,
no mesmo instante em que todos os jornais e sites do brasil,
tanto os de esquerda quanto os de direita,
publicavam a mesma chamada:

"Grupo invade hospital, derruba computadores e chuta portas em ala com pacientes do coronavírus no Rio!",

a subsecretaria de comunicação do estado do rio de janeiro
divulgou um comunicado no qual nega que tenha acontecido uma
invasão de pessoas armadas no hospital municipal ronaldo gazolla,
em acari, zona norte da cidade.

leia na íntegra:

FAKE NEWS sobre invasão ao Gazolla

Não é verdadeira a informação de que houve uma invasão ao Hospital Municipal Ronaldo Gazolla nesta sexta-feira (12/06) por pessoas armadas que estariam tentando filmar os CTIs e enfermarias.

O que ocorreu foi um tumulto causado por cinco pessoas de uma mesma família que, desesperadas ao receberem a notícia da morte de uma parente internada no local – uma senhora de 56 anos, ocorrida nesta manhã – entraram alteradas na unidade, quebraram uma placa de sinalização e bateram uma porta, causando danos. Vigilantes, guardas municipais de uma viatura que fica baseada no hospital e integrantes da equipe assistencial ajudaram a contornar a situação. Uma das pessoas da família, uma mulher, precisou ser medicada para se acalmar.

Também não é verdadeira a informação de que uma paciente idosa teria morrido em função da confusão.

A direção do Hospital Ronaldo Gazolla lamenta que a dor de uma família, que tomou uma atitude desesperada, esteja sendo distorcida e usada para alimentar fake News neste momento.


bom, de qualquer modo, o texto por mim publicado neste canal de comunicação
não deixa de ser verdadeiro ao trazer o título utilizado
por quase toda mídia do país,
afinal, um grupo de pessoas invadiu o hospital municipal ronaldo gazolla no rio de janeiro,
isso é fato verídico.

os detalhes da invasão cabem às testemunhas oculares relatarem.
na maiorias dos jornais e sites do brasil existem testemunhos similares, já
sobre a possibilidade de os invasores estarem armados,
certamente, este boato deve ter se espalhado apenas in loco, bem como a informação
de que uma idosa teria falecido,
uma vez que não li estas informações em nenhuma das mídias consultadas.
agradeço aos leitores que me advertiram da iminente publicação
de fake news neste blog.

sai pra lá fake news!

sexta-feira, 12 de junho de 2020

minha namorada é a água


minha namorada é a água,
ela é a minha vida e essência,
me forma desde o comecinho
da minha existência,
me salva todo dia
e me faz conhecer o
que é felicidade.

minha água, amada minha!
viver ao teu lado esses anos,
meses e dias me motivam
a celebrar toda hora
o dia dos namorados (casados)!
uma fase sensacional da vida
se comemora toda hora.

obrigado!

você é uma princesa!
uma princesa gordinha e linda,
trazendo no ventre mais
que um presente,
um sonho real para vida toda!

quinta-feira, 11 de junho de 2020

imagina...vinte novos weintraubs


quando alguém te disser que o governo federal
não se aproveita do cenário atual de pandemia
para impor, goela abaixo, seu jeitinho de administrar,
mostre pra ela apenas essa última medida provisória
que a turma tá querendo aprovar:
mp 979/2020.

essa mp permite ao ministro da educação
escolher reitores temporários
das universidades federais
durante todo período de pandemia.

a 979 elimina a necessidade do tradicional processo de consulta pública
ou lista tríplice, escolha democrática feita nas universidades
e institutos federais.

há uma evidente tentativa de impor a cara do weintraub
na administração de, pelo menos, vinte unidades
federais de educação, cujos reitores finalizam
seus mandatos no final deste ano.

imagina...vinte novos weintraubs
para escrever tudo errado,
avacalhar a china,
ofender os poderes constituídos
e xingar muito pra agradar o presidente?

essa loucura não pode passar pela câmara e nem pelo senado!
isso é uma proposta extremamente inconstitucional e descabida!
oportunista por si só, o texto fere os artigos 206 e 207 da constituição,
que tratam da gestão do ensino público e da autonomia das universidades.

ao invés de focar no combate ao vírus,
lá vem o planalto botar mais lenha na fogueira.
impossível aceitar uma situação dessas sem, ao menos,
ler criticamente o que quer esse governo.

segunda-feira, 8 de junho de 2020

__não, vou levar até o elevador, moleque de favela sabe se virar!


já chorando, miguel perguntou mais uma vez:
__cadê a mamãe??
a manicure sugeriu para dona sarí que desse algum brinquedo para o menino se distrair.
__sua mãe só foi levar o cachorrinho pra passear e já está voltando!
__eu quero a mamãe!
__você está atrapalhando a tia fazer as unhas...
__não se preocupe dona sarí, eu espero a senhora resolver.
__eu quero a minha mãe...minha mãe...
__vem, vou te levar na sua mãe!
__a senhora vai descer com ele?
__não, vou levar até o elevador, moleque de favela sabe se virar!
__dona sarí, pode ser perigoso... posso esperar...
__ahh cremilda!! desse jeito vamos terminar essa unha só amanhã!
__(...).
__vamos miguel, vem com a tia!
dona sarí conduziu a criança até o elevador (de serviço), deixando-o sozinho.
voltou rapidamente para os cuidados da manicure.
enquanto isso, o pequeno miguel começou a apertar
todos os botões do elevador, parando no nono andar.
ao sair, abriu uma porta e foi parar em um parapeito,
lá embaixo viu sua mãe passeando com o cachorrinho.
__mamãe!! mamãe!!!
gritava com todas as forças mas sua mãe não ouvia.
decidiu pular a grade para que sua mãe o visse,
nesse momento, ele caiu.

este seria um diálogo provável,
qualquer semelhança com a realidade
terá sido uma mera coincidência.

domingo, 7 de junho de 2020

a temida "ameaça comunista"


peraí!
o pessoal tá confundindo tudo!
a questão não é o conflito
partidário entre direita e esquerda,
a questão não é o embate lula X bolsonaro,
nem tão pouco os coxinhas X pão com salame
ou esquerdopatas X bolsominions:
a questão é de ordem moral,
de brio na face,
de empatia,
de sensatez.

moral: pertencente ao domínio do espírito do homem.
numa breve definição de moral, podemos dizer que se trata do conjunto de valores,
de normas e de noções do que é certo ou errado,
proibido e permitido, dentro de uma determinada sociedade, de uma cultura.

brio: sentimento de honra, dignidade, valor; amor-próprio ou
qualidade de quem é bravo; coragem.

empatia: capacidade psicológica para sentir o que sentiria
uma outra pessoa caso estivesse na mesma situação vivenciada por ela.

sensatez: qualidade de sensato; bom senso, equilíbrio.
ponderação ao tratar de assunto delicado ou difícil;
prudência, precaução.

os conceitos estão aí para que não pairem dúvidas.

precisamos entender que o maior perigo não é
a temida "ameaça comunista",
a ladainha da bandeira vermelha,
ditadura comunista,
kit gay etc,
o brasil nunca foi comunista
e nem chegou perto desse cenário.
vale recordar que o pt só chegou ao poder
justamente por uma agenda neoliberal.

onde foi que esse povo achou cuba no brasil?

para quem vive lastimando sem saber do que se trata,
misturando comunismo com socialismo,
sigamos para uma breve definição,
bem simples e direta, retirada do site politize:

No sistema socialista, o Estado e o governo se mantêm no controle da vida social.
Contudo, diferente do capitalismo, o Estado seria conduzido pelos trabalhadores
e a produção e distribuição de bens controlados nas mãos do governo,
que organizaria um sistema de igualdade e cooperação.

O comunismo, por sua vez, trata-se de um estágio posterior ao socialismo,
quando já havendo igualdade absoluta entre os cidadãos,
o Estado poderia ser abolido, eliminando as
formas de opressão social, e a sociedade encontraria formas de se auto regulamentar.
Assim, os trabalhadores se tornariam proprietários do seu trabalho e dos bens de produção.

lendo e relendo, você perceberá que o comunismo não deu certo em lugar nenhum do mundo.
existe uma vasta base teórica mas... na prática, bem, na prática... é outra história.
o processo é utópico, um ideal de mundo difícil de ser alcançado,
muito além da natureza do homem.
fácil de ser compreendido mesmo é o capitalismo:

lucro e pronto!

creio que seja necessário um posicionamento mais crítico
de cada brasileiro, sem ser levado pelas paixões,
pelas diversas correntes ideológicas,
pela mídia tendenciosa e por políticos
que preferem gerar conflitos
ao invés de administrar o erário.
jogam uma cortina de fumaça
e fazem o que querem no estado,
legislando em causa própria.

não por acaso, no brasil temos
a bancada da bíblia, da bala,
dos bois, ala disso, ala daquilo e por aí vai.
famoso mesmo é o centrão,
do qual não preciso falar mais nada.

bora parar de colocar a paixão pela figura de um político
em primeiro lugar na sua vida!
enquanto você tá por aí, declarando essa coisa louca,
esse amor cego, essa paixão avassaladora,
pondo sua mão no fogo por um homem que mente descaradamente,
os resultados reais são lastimáveis
e a única coisa que você consegue
é romper amizades.
se forem amizades virtuais, tanto faz,
mas se forem reais, de dentro da sua casa,
aí é complicado.

eu já me acostumei a postar qualquer texto criticando
o comportamento do presidente bolsonaro e alguns colegas virtuais
pegarem as dores para si e mandar um block na minha pessoa.
semana passada nem precisei publicar nada,
bastou um comentário (segue o mesmo na íntegra) para uma saraivada de dores:

Infelizmente, desde que a Canção Nova fez aquela festa com Bolsonaro não assisto mais, não percebo coerência do discurso com a imagem. Lamentável que o deus dinheiro seja capaz de comprar tudo. Se o medo for a ameaça comunista precisamos nos mudar pra China.
(https://www.facebook.com/ismaelcarvalhos/posts/2565696490360506?comment_id=2565765790353576&reply_comment_id=2566844870245668¬if_id=1591554730870262¬if_t=feed_comment_reply)

depois dessa prosa, quase dez amizades virtuais sumiram na web space sideral.
se, por acaso, você foi umas destas amizades, peço-te desculpas,
não é nada pessoal.
realmente, não consigo mais assistir qualquer programa
na tv em questão sem relacionar com a imagem do presidente.
talvez a ciência explique,
mas, definitivamente, não dá,
sobretudo, pela dificuldade de assimilar
que um ambiente tão agradável e santo
tenha se associado a imagem de uma pessoa
que escancara hipocrisia.

melhor mesmo é viver a vida com sobriedade.

no ambiente virtual
tem gente que se entristece,
tem quem se decepcione
e não consiga acreditar que fulano pense assim
ou assado.
isso tudo é liberdade!
deixemos as prisões pro passado!

minha opinião sobre o atual governo federal é pública.
mantenho um distanciamento dos termos que são ofensivos
e cultivo uma postura de respeito para com quem pensa
diferente.

se depender de mim, a relação continua amistosa,
independentemente do amor político declarado,
das ideologias defendidas ou das causas perdidas.
não fico perdendo tempo com tretas na internet
(nem tenho tempo pra isso), mas, dentro do possível,
sempre dou um retorno para quem o pede.

não tenho a mínima intenção de mudar a opinião
de quem quer que seja, mas me vejo na obrigação
de não ficar em cima do muro.
nem do muro de berlim,
nem do muro chinês,
nem do muro entre os eua e o méxico.

é certeza que os historiadores terão um baita problema
para escrever isso tudo:
golpe, pós-golpe, outro golpe, pandemia,
gripezinha, milhares de mortos, ocultação das estatísticas, etc etc.

um ponto que acredito ser extremamente importante
é o desdobramento disso tudo nos hábitos de quem é
religioso: cristão, espírita, budista, mórmon, umbandista...enfim:
religiosidade, definitivamente,
não combina com um discurso de ódio
e intolerância,
não dá certo com a apologia da morte,
da vingança, da ode às armas, dos inúmeros
preconceitos já, explicitamente,
publicados pelo presidente bolsonaro e
seus familiares, por sua equipe e apoiadores.

é preciso uma análise sensata
e desprovida de paixão,
é preciso ter os pés no chão.
não dá pra confiar no homem,
já dizia o profeta jeremias.
aliás, leia o profeta jeremias.
precisamos é de mais tempo de leitura,
livro mesmo, de papel,
de história.
e menos tempo de whatsapp,
facebook e outras redes sociais.
coloquemos nossos pés na dura realidade
e não finjamos que tá tudo bem,
que é assim mesmo,
que é a franqueza que incomoda
(gentileza não confundir franqueza com falta de educação),
que é frescura ou, meramente,
intriga da oposição,
o problema tá aí,
gritando na sua cara,
não despreze a voz da sua consciência.








sábado, 6 de junho de 2020

lá vem ela!


vem vindo uma menina,
linda e corajosa!
já foi ana, joana e maria,
também já foi flávia,
martina e moana!
certamente é poesia.

lá vem ela!
despontando para este mundo
com seus ares de esperança!
lá vem ela!
suave, inteligente
e transbordando confiança!
lá vem ela!
seja bem-vinda minha doce
manuela!

quero ser pra você a lua iluminando o sol!
não, péra:
o sol iluminando a lua!
ahhh! sejamos luz um para o outro!
já te amo com todo amor que eu conheça,
ó mulherzinha da minha vida!

venha que vamos cuidar bem de você,
essa família se alegrará dia após dia
com a experiência de ter você aqui.
manuela esperança, poesia,
coragem e confiança,
manuela escolhida pela mãe,
igualzinho aconteceu com o carmelo,
digo, com o lorenzo,
o homenzinho da minha vida.
Pai do céu, obrigado!
vamos amar muito, cuidar e educar direitinho!

sexta-feira, 5 de junho de 2020

é... o terror que cercava os países lá fora chegou aqui dentro.


é... o terror que cercava os países lá fora chegou aqui dentro.
e chegou com toda força de um vírus desconhecido,
além de ser recepcionado com uma força extra que veio do próprio
presidente da república federativa do brasil,
ele, o exmo. sr. jair messias bolsonaro, sem partido.

o negacionismo e a bagunça generalizada na gestão
do ministério da saúde fez explodirem os números
de infectados, consequentemente, causando
o colapso do sus.

quando víamos os 900 mortos por dia na itália
a gente pensava:

"estaremos preparados"
"aprenderemos com os erros da europa"
"aqui não será assim".

quando as primeiras mortes começaram a serem noticiadas,
os amigos do presidente publicavam gráficos
com as mortes causadas por outras enfermidades no brasil,
querendo, com isso, endossar o discurso do chefe.

quando a coisa começou a ficar feia,
a briga política ficou acirrada,
com acusações do presidente contra
os estados e vice-versa.

cá estamos, no quarto dia consecutivo com registro de mais de
mil vítimas fatais.
o que vocês querem mais?

também se acreditava que só os idosos morreriam
mas o que estamos assistindo é terrível.
não apenas os anciãos com comorbidades
estão morrendo, mas também muitos jovens, para os quais
não imaginávamos a derrota para covid-19.

mais de 300 profissionais da saúde também já perderam suas vidas,
fazendo do país o campeão mundial em óbitos de médicos por covid-19.
somado ao alastramento da doença,
uma leva de corruptos colaboram para que as coisas fiquem piores.
os casos de superfaturamento e desvio das verbas
destinadas ao combate da pandemia é mais que uma doença,
é imoral e nos causa náuseas.

a cada dia o presidente tem a chance de se redimir mas...
vai lá e solta outra pérola para saciar seus seguidores.
parece que não tem solução.
os brasileiros sucumbindo, se livrando como podem
e o chefe geral da nação saindo sem máscara,
caindo num buraco e levando todo mundo junto.
é desse piloto que estamos falando,
um tipo suicida, que se tranca na cabine
e joga a aeronave contra as montanhas.

estamos sendo a chacota do mundo
com tanta pataquada vinda da capital federal,
um show de horrores,
com músicos desafinados e palhaços entediantes.
o brasil é o epicentro dessa pandemia
e bolsonaro manda um recado para oms:
vamos imitar o trump!
"meu amigo, meu irmão",
o mesmo que bloqueou geral
para os cidadãos brasileiros,
mas que cura se mandar dinheiro.

estamos numa situação tão ruim
que seria impossível publicar uma previsão
do número de vítimas que o país terá
em decorrência dessa desgovernança.

subnotificação é roça
e para as vítimas fatais
não existe tempo suficiente para um diagnóstico acertado,
vão sem despedida, sem ao menos um cortejo fúnebre.
sequer um comboio como aquele visto ao norte da itália.
aqui, se vão em kombes e carroças,
se vão sem o amparo merecido,
sem a dignidade merecida.

milhares de brasileiros perdendo a vida
e o nosso presidente esbravejando palavrões
contra os juízes da corte magna,
apoiando manifestações antidemocráticas
e levando às lágrimas tantas famílias.

Senhor, nós nos colocamos em suas mãos,
somos a Terra de Santa Cruz,
tenha de nós misericórdia,
livrai-nos do mal!

somos 70%!

70% que não se deixou levar
por um asqueroso discurso de ódio,
por um assustador e hipócrita
discurso religioso,
nem por um terrível teatro,
ensaiado com fakenews,
apresentando aquilo que não é
e nunca será.
estamos nas mãos de um governo vaidoso,
que só pensa em reeleição.
haverá tempo e espaço para um pouco de lucidez?



passar bem.


acabou, sêmen!!
acabou, gala!!
esbravejou o presidente após
perder a paciência com os
ministros do supremo.

não quis usar a mesma palavra
que o chefe do executivo usou
para não corar as faces dos apoiadores
dele, que são todos conservadores,
religiosos e tomados de extrema
noção de civilidade, moral
e ótimos costumes.

passar bem.