terça-feira, 24 de novembro de 2015

deitou-se ouvindo mpb da melhor qualidade: djavan.


ela veio me visitar.
chegou com aquele jeitinho manso de sempre e foi arrumando um cantinho para descansar.
a casa estava bagunçada e as camas ocupadas por caixas.
ela ajeitou-se no chão.
deitou-se ouvindo mpb da melhor qualidade: djavan.
ela veio para dar uma bênção especial, cada gesto e sorriso diziam:
__vá em frente! você merece ser feliz! Tudo vai ficar bem! vai dar tudo certo!
deixei minha visita ilustre descansando e também fui dormir.
quando já estava cochilando um amigo me acorda perguntando se tá tudo bem com a equipe de música
e de dispõe a ajudar no que for preciso.
digo que está tudo certo e agradeço pela disposição.
me viro para voltar a dormir e sou chamado mais uma vez,
agora, uma mulher bem feia me acorda dizendo que também quer me ajudar.
__não precisa...tá tudo bem...
__tem certeza?
__absoluta! tudo bem...
__tá tarde pra eu ir embora...
__pois é.
esse foi o momento do pesadelo.
um filme de terror do passado.
passado é passado.
quero agora é o presente!
quero abrir muitos presentes
e ser feliz ao lado dessa água maravilhosa que me cobre!
que Deus nos ajude, cuide da minha Mãe Natureza
e nos dê muitas felicidades de águas juntos!
acordei e dei aquela sondada no relógio:
02h30.
não consegui dormir mais.
bom, quando consegui, o despertador veio a tona.
bom dia de muita chuva pra gente!

sexta-feira, 20 de novembro de 2015

a paçoca é uma delícia!!


a paçoca é uma delícia!!
ôoo doce gostoso esse gente!!
olha só como é fácil fazer:

2 xícaras de amendoim sem pele
2 xícaras de farinha de mandioca torrada
2 xícaras de açúcar
1 colher (chá) rasa de sal.

modo de preparo

preparo:25mins
pozimento: 15min
Pronto em: 40min

toste os amendoins no forno,
cuidando para não queimá-los.
triture no liquidificador.
em uma travessa, misture o amendoim moído,
a farinha de mandioca, o açúcar e o sal.
misture bem esses ingredientes e pronto!
agora é só comer bem de mansinho!

tem gente que é paçoca,
nesse caso, a pessoa sendo uma paçoca
fica melhor ainda!
assume as características e fica show!
eu amo a paçoca mais paçoca peketita do mundo!
e em casa não vai faltar paçoca!
ah! e da moreninha!!

quarta-feira, 18 de novembro de 2015

faltam só 10 dias!


tá chegando...
eram 3 meses,
caiu pra um e agora
são 10 dias.
nossa história passada à limpo,
limpa como sempre foi.
já vejo os daminhos subindo, meio trôpegos,
o corredor da nave mãe aparecida.
vislumbro o sorriso de cada gente de nossas famílias
e dos nossos amigos.
me vejo assim, sem fôlego, com a sua chegada.
os clarins triunfais me deixam pasmo.
os convidados boquiabertos
babam na sua beleza.
o padre é nosso amigo e não corremos riscos
de levarmos um rala.
a atmosfera é suave
e no céu poucas nuvens.
veja!! é a lua!!
oba! depois é de mel....
faltam só 10 dias!
seremos uma só carne de primeira!
festa, festinha, festança noite inteira!!
valem todos os gritos, todas as danças
e todo champanhe explodido!
valem todos os tapes,
todos os flashes,
todas as rezas e boas intenções!
valem todos os abraços e beijos!
toda fortuna do mundo não pagariam tamanho amor!
amor que não se compra,
amor que não se mede,
que não se repete!
já dizia meu amigo garrido.
nada como celebrar a vida!
água doce em pedra sabão
tanto bate que escorrega,
cai, pula, afunda!
mas nunca desanima
e segue a celebração da vida
com entusiasmo e certeza
desse amor que vem de um Deus
que nos ama mais que merecemos.

segunda-feira, 16 de novembro de 2015

a frança...ai a frança...!!


a frança...ai a frança...!!
referência cultural e artística para o mundo todo!
famosa pela torre eiffel e por uma infindável
lista de construções e lugares magníficos!
muito do que é moda vem de lá,
e paris foi por séculos referência para os intelectuais
e artistas do ocidente e também do oriente!
a culinária é um caso a parte:
um caracol vira mito! escargot!
foi gras é um alimento feito de fígado de pato ou ganso,
bichinhos que foram especialmente engordados.

pra lá vai muita gente!
um berço de liberdade, igualdade e fraternidade.
muitos se exilaram aos pés do arco,
principalmente os perseguidos pelas ditaduras
da américa latina.

a cidade luz é a mais visitada do mundo.
quem não quer ter pelo menos uma foto
com a maravilhosa torre ao fundo??
ahhh! eu ainda quero ter a minha!!
paris é um sonho!

de vez em quando acontecem atentados terroristas por lá.
tiros e bombas que vem de cidadãos franceses mesmo
e que matam muitos turistas.
os terroristas são caras que compraram a ideia de algum estado islâmico,
nada mais.
solidarizo-me com as vítimas dessas guerras.

"Por favor, não modifique suas fotos de perfil com as três cores de um Estado que repetidamente bombardeia campos na Somália, aldeias em Mali, hospitais no Afeganistão e testa suas bombas nucleares no deserto do Saara. A França nomeou bombas com o nome dessas três cores -. gerboise bleue, gerboise blanch, gerboise rouge.
Historicamente, a França é considerado o quarto maior colonizador da Europa assolando inúmeras Nações Africanas. Estas são as mesmas cores que exigiu do Haiti que pagasse a eles 150 milhões de francos (mais de 40 bilhões hoje) por destruir as plantações de proprietários de escravos durante a revolução, colocando o Haiti em séculos de dívida.
Hoje, eles são os exportadores da mais vil e violenta islamofobia apesar de irem para o norte e leste da África. Você pode se sentir triste por aqueles que perderam suas vidas em Paris, sem comemorar as cores de uma nação que tomou tantas vidas e continua a tomar tantas vidas através de ataques aéreos no sul global. Essa indignação seletiva é sua. Tome-a. Mas saiba que muitos de nós estamos aflitos por seu silêncio quando Bagdá é bombardeada. Quando Palestina é bombardeada. Quando Beirute é bombardeada. Estas vidas também não valem a pena lamentar? O que sobre a vida de negros e pardos torna tão difícil para você lamentá-las? "- Lali Mohamed

sábado, 14 de novembro de 2015

não sei se te recomendo descansar em paz, óh rio!


o rio era doce.
adoçava a vida da gente!
os ribeirinhos eram felizes e não sabiam(?).
não era necessário vidente,
nem mesmo cartomante ou quiromante:
a tragédia era iminente.

o rio era cheio de peixes
e as flores em volta estavam brilhando.
uma correnteza estranha se aproximou.
não não não...não era coisa da natureza.
se ainda fosse uma pororoca...
mas que nada!
lama, lixos, árvores, pesticidas e ferro!
tudo segue alastrando uma tragédia por quilômetros!
toda vida é sepultada.
os peixes lutam pela vida
e, num desespero,
no instinto pela vida,
sobem as montanhas e...
morrem do mesmo jeito.

os pescadores, outrora predadores,
querem salvar toda fauna doce
numa arca de noé.
nesse momento é preciso mais que fé.

a presidente passeia de helicóptero
e promete aplicar uma pesada multa,
mas se esquece que não há dinheiro
no mundo que pague os erros
de uma administração pública falida.
não há dinheiro no mundo que traga de volta a vida
e a doçura do rio.
não há dinheiro no mundo que devolva pro colo da mãe
o menino que morreu pedindo:
__Jesus me salva! Jesus me salva!

a notícia é triste:
o rio doce morreu.
nem dez, nem vinte, nem cem anos.
a recuperação não será a mesma coisa.
espécies endêmicas podem se extinguir.
a lama dissipou tudo em volta.
a doença chegou e foi taxativa:
nada mais de vida,
agora
é
natureza
morta.

os vilarejos e cidades que dependiam da água
também correm risco.
não se vive sem água.
serão os homens também peixes fora d´agua?
não sei se te recomendo descansar em paz, óh rio!
sei que a natureza faz uma força tremenda
e muitas vezes perfura paredes de concreto maciço,
ressurge no meio do nada,
brilha de esperança numa pequenina flor.

descansar em paz sei que não vai.
desejo-te, óh rio, com o coração cheio de dor
e os olhos cheio de lágrimas,
que tenha misericórdia dos homens,
para quem cedestes suas águas
e de quem recebestes esgoto,
de quem mata a fome
e gratidão tens pouco.

o rio doce morreu,
com ele,
morre
também
eu,
de vergonha
por ser
homem.




quinta-feira, 12 de novembro de 2015

e o nó da esperança que nunca se rompe.


os ganhadores se abriram!!
agora é torcer para mais gols da seleção!
o brasil inteiro poderá contribuir
porque nossa família é pra mudar o país!
nossa família será cristã,
lutará pelo bem comum
e pela educação acima de tudo.
uma descendência seguirá esses passos
e poderemos mudar também o mundo.
enquanto isso, precisamos mudar a noite de 700 e poucas pessoas para melhor,
e essas 700 e poucas pessoas precisam nos ajudar a mudar a noite em dia.
podem mudar tudo,
só não podem mudar você,
minha água pura e suave
que me leva para inúmeros lugares
quando, simplesmente,
tocamos nossos lábios carnosos
e bem delineados.
nossa beleza ajuda o mundo ficar mais bonito também,
mas você tem mais porcentagem nisso.
você é um capricho de Deus,
uma dádiva na minha existência
e o nó da esperança que nunca se rompe.
que se abram os ganhadores!
muitas vezes se abram para este mundo!
que façam das cadeiras e mesas
lugares melhores,
e das danças, diversão autêntica!
viva os noivos!!!

a natureza, a casa, a escola, a comida e o cachorrinho de estimação.


a lama desce encobrindo o morro.
o único aviso lá embaixo é a sujeira descendo a serra.
quem viu, correu.
quem não viu, morreu.

a empresa é rica e influente,
e o povo lá embaixo é gente humilde,
que trabalha na plantação
e na extração de minérios.

a mídia faz uma cobertura tendenciosa
e a verdade só existe pra quem está com os pés atolados.
nenhuma força tarefa foi vista.
alguns bombeiros e a defesa civil
fazem um esforço sobre-humano.
o povo sucumbe.

o rio doce se azeda.
os peixes morrem.
as águas turvas e grossas
descem rasgando a mata ciliar,
o mar capixaba que aguarde.
o meio ambiente sucumbe.

há quem queira continuar vivendo ali,
mesmo que desastres como este não sejam novidade.
outros casos aconteceram e a experiência
das autoridades competentes não constou no currículo.
entre 2001 e 2014, cinco desastres semelhantes
deixaram ao menos oito mortos, além de uma avalanche
de danos ao meio ambiente no estado de minas gerais.

no pior da série histórica, em cataguases,
cerca de 1,4 bilhão de litros de lixivia negra,
resíduo da produção da celulose,
contaminaram o rio paraíba do sul
e córregos até 200 quilômetros distantes.

a lama continuará nos envolvendo,
lento e gradativamente,
até que não mais tenhamos força no diafragma,
até que nossos pulmões se quebrem,
até que nossos olhos finjam não ver
e que nossos dedos apertem as teclas tortas.
nosso cérebro precisa de ar!
de preferência, puro!
o povo de bento rodrigues
e de qualquer lugar onde a lama chegou,
precisa de água limpa para um bom banho,
mas também de gente honesta que os restitua
a natureza, a casa, a escola, a comida e o cachorrinho de estimação.
precisam de atenção e respeito,
afinal, não são os culpados.
ah...os culpados...
secam suas lágrimas de crocodilo
em seus colarinhos brancos...

terça-feira, 3 de novembro de 2015

o sol já nos chegou com protetor


água minha!
águas quentes, mornas e frias!
essas águas todas desceram rumo ao altar
e desenharam uma história maravilhosa!
cinco anos e...muitos meses depois!
nos vemos lavados e de uma frescura total!
as nuvens trouxeram-nos sombras,
o sol já nos chegou com protetor,
a noite trouxe lua cheia e milhares de estrelas,
não sofremos com o calor,
não fomos inundados,
não tivemos raios na cabeça
e nem trovões para nos assustar.
Deus é conosco!
seguimos remando a favor da maré,
com muita paz, saúde e fé.
alguns pinos no joelho
e na cartola muitas cartas
e um coelho.
é um coelhinho louco!
não é da páscoa,
não é ração de cobra.
é um bichinho que nos dá sorte
com suas patinhas firmes
e unhas lixadas.
somos grato por nossa bela história
que segue nessa última comemoração
ainda na fase cinco.
é a cinco mesmo?
bora festar!!!

segunda-feira, 2 de novembro de 2015

__como descansar em paz?? o cemitério vira uma coisa de loco!!


algumas pessoas parabenizavam pelo dia de finados:
__feliz dia de finados!
__mas...feliz porque? hoje é dia de sofrer...! e eu tô vivo!!

todos merecem celebrar datas comemorativas,
inclusive os que já se foram.
temos até feriado para que os mortos possam descansar em paz.

__como descansar em paz?? o cemitério vira uma coisa de loco!!
__é verdade!vendedores de flores gritam como se fossem verdureiros!
__e como se não bastasse, tem aqueles muleques que ficam na espreita...
assim que o parente deixa suas flores e vai embora, o produto é recuperado
e revendido!
__hahaha!! e o defunto não faz nada?
__hahaha!! nem pra dar uma puxadinha no pé!
__hahaha! nada! flores e velas são reaproveitadas e o receptador faz uma promoção!
__e mata a concorrência!
__hahaha!! gostei...mata...hahaha!!

o dia de finados virou comércio
assim como o dia das mães,
dos pais,
das crianças,
dos santos,
dos profissionais,
dos amadores,
das coisas todas
e de todos os seres.

minha mãe faleceu há 2 anos e meio.
não me acostumo a ir no cemitério.
sei que nunca a encontrarei lá.
não faço questão de saber se cresceram flores
ou ervas daninhas.
não me importa saber se a grama pegou,
se faz sombra ou sol.
tenho plena consciência que fiz o que pude pela minha amada
enquanto ela estava viva.
amei sem medida,
sorri e chorei.
agora, não adianta mais nada.

muitas pessoas se esforçam para manter um túmulo
lindo e florido o ano inteiro.
lustram os mármores e retocam a pintura,
podam as flores e o gramado.
sepultura impecável!
quem se alegra com isso?
jardineiros, faxineiros, pedreiros...
bom, garante o trabalho de muita gente!
mas...
não está aí o verdadeiro amor.

a alma não está lá.
ela é intocável e segue
num lugar desconhecido
onde, talvez, só veremos
quando fecharmos para sempre nossos olhos.
é preciso morrer para ver.
quase todo mundo tem que ver pra crer,
mas não se aplica neste caso.

viva intensamente a presença das pessoas que se preocupam com você.
aproveite a vida para amar, ser gentil, paciente e...presente.
ame seus pais, sua descendência!
ame sua geração, seus frutos!
não espere a morte para oferecer flores!
no cemitério encontraremos apenas ossos.
cemitério não é morada eterna para quem acredita
em algo muito maior que sete palmos de terra.

minha amada está no lugar desconhecido.
ela era uma mãe maravilhosa
e dedico tudo que sou a ela.
quando vou a um enterro no mesmo cemitério
dou uma passadinha onde ela foi enterrada.
passo sem compromisso de cobrar cuidados
com o lugar,
apenas olho para a singela plaquinha com o nome dela,
dou um sorriso e sigo meu caminho.
dela recordo com alegria.
minha amada está viva
e me quer feliz!
que ela me incentive a fazer as pessoas
que me cercam felizes também!
vai!!
vai beijar e abraçar agora!
vai ficar do lado agora!
vai agradecer agora!
agora é o tempo!
amanhã não sabemos.
não espere o dia de finados.